A produção teórica no Serviço Social brasileiro: a perspectiva do trabalho abstrato no debate profissional

Imagem de Miniatura
Data
2021-08-26
Autores
Oliveira, Henrique Aparecido de Souza [UNIFESP]
Orientadores
Amorim, Henrique José Domiciano [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Este estudo busca realizar uma aproximação à problemática do trabalho abstrato no debate do Serviço Social brasileiro. Por meio de uma breve incursão sobre o desenvolvimento da produção teórica em geral da profissão no país, se evidencia a especificidade desta produção nos últimos 40 anos que passa a ter o trabalho como categoria teórica de análise central em seus debates. O texto privilegia as principais publicações de Marilda Vilela Iamamoto, por se tratar de uma autora que problematizou a questão do trabalho abstrato, categoria teórica oriunda do pensamento de Marx, como ângulo analítico a partir do qual entender a natureza do trabalho em Serviço Social. O texto busca apresentar, também, uma sistematização das principais determinações que Marx elabora sobre o trabalho abstrato.
This study seeks to approach the problem of abstract work in the Brazilian Social Work debate. Through a brief incursion on the development of theoretical production in general of the profession in the country, the specificity of this production in the last 40 years is evidenced, which starts to have work as a theoretical category of central analysis in its debates. The text privileges the main publications of Marilda Vilela Iamamoto, as she is an author who problematized the issue of abstract work, a theoretical category derived from Marx's thought, as an analytical angle from which to understand the nature of work in Social Work. The text also seeks to present a systematization of the main determinations that Marx elaborates on abstract labor.
Descrição
Citação
OLIVEIRA, Henrique Aparecido de Souza. A produção teórica no Serviço Social brasileiro: a perspectiva do trabalho abstrato no debate profissional. 2021. 184 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social e Políticas Sociais) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2021.