Determinação da normalidade da marcha através da baropodometria dinâmica em adolescentes saudáveis com idades entre 14 e 17 anos

Imagem de Miniatura
Data
2023-04-04
Autores
Costa, Maria da Conceição Rodrigues Gonçalves da [UNIFESP]
Orientadores
Len, Claudio Arnaldo [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Introdução. A baropodometria dinâmica é uma técnica de avaliação da marcha humana através de um ou mais sensores ópticos que medem objetivamente alguns parâmetros por meio de processamento de imagem digital. Com o auxílio dessa técnica, os diversos profissionais envolvidos no tratamento são capazes de elaborar um programa de reabilitação adequado para cada paciente. Apesar de ser utilizada em crianças e adolescentes, não há na literatura estudos sobre a padronização da marcha na faixa etária pediátrica. Objetivos. (1) Determinar os parâmetros de normalidade da marcha em adolescentes saudáveis com idades entre 14 e 17 anos, através do uso do exame de baropodometria dinâmica; e (2) Correlacionar os parâmetros da marcha, com a capacidade funcional, com a frequência e intensidade de atividade física e sedentarismo. Método. A amostra foi composta por adolescentes saudáveis com idades entre 14 e 17 anos de ambos os sexos, selecionados entre os matriculados em um centro de recreação, e por amigos desses escolares. Todos os indivíduos foram avaliados em duas etapas: (1) avaliação por questionários: Crosscultural Reliability of Childhood Health Assessment Questionnaire (CHAQ) e Questionário de Avaliação da Atividade Física e do Sedentarismo em Crianças e Adolescentes (IPAQ); e (2) avaliação da marcha através do método da baropodometria dinâmica (pista de marcha FootWalk Pro, AMcube®, Gargas, França), com o programa Footwork Pro (IST Informatique – Inteligence Service et Tecnic, França). Mensuraram-se a velocidade de marcha, a cadência e o tempo de passo. Resultados. Dos 102 adolescentes saudáveis com idades entre 14 e 17 anos, 55 tinham idades entre 14 e 15 anos e 47 tinham idades entre 16 e 17 anos. Com relação ao sexo, 54 eram do sexo feminino. Todos os participantes apresentavam capacidade física normal de acordo com o CHAQ. Com relação ao questionário IPAQ para adolescentes, observou-se que nenhum indivíduo era sedentário, 18,6% eram irregularmente ativos, 46,1% eram ativos e 35,3% eram muito ativos. Não houve correlação entre os parâmetros da baropodometria dinâmica e os resultados obtidos nos questionários CHAQ e IPAQ (p > 0,05). Com relação aos parâmetros da baropodometria dinâmica dos 102 indivíduos, observou-se uma média de velocidade da marcha no pé direito de 318,3 mm/s, uma média da velocidade da marcha no pé esquerdo de 319,3 mm/s, uma média do tempo do passo do pé direito de 747,5 segundos, uma média do tempo do passo do pé esquerdo de 744,5 segundos e uma cadência (média) de 1,457 passos/s. Conclusão. Neste estudo, estabeleceu-se a normalidade dos padrões de marcha de adolescentes aparentemente saudáveis, segundo a baropodometria dinâmica. Esses dados serão úteis para a sequência desta linha de pesquisa, uma vez que a marcha pode estar comprometida nos pacientes seguidos em nossa clínica de reumatologia pediátrica.
Introduction. Dynamic baropodometry is a technique for assessing human gait through one or more optical sensors that objectively measure some parameters through digital image processing. With the help of this technique, the various professionals involved in the treatment are able to design an adequate rehabilitation program for each patient. Despite being used in children and adolescents, there are no studies in the literature on gait standardization in the pediatric age group. Goals. (1) To determine normal gait parameters in healthy adolescents between 14 and 17 years old of age, using dynamic baropodometry; and (2) Correlate gait parameters with, functional capacity, frequency and intensity of physical activity and sedentary lifestyle. Method. The sample consisted of healthy adolescents aged between 14 and 17 years old of both sexes, selected among those enrolled in a recreation center, and by friends of these students. All individuals were evaluated in two stages: (1) evaluation using questionnaires: Crosscultural Reliability of Childhood Health Assessment Questionnaire (CHAQ) and Questionnaire for the Evaluation of Physical Activity and Sedentary Lifestyle in Children and Adolescents (IPAQ); and (2) gait assessment using the dynamic baropodometry method (FootWalk Pro gait track, AMcube®, Gargas, France), with the Footwork Pro program (IST Informatique – Inteligence Service et Tecnic, France). Gait speed, cadence and step time were measured. Results. Of the 102 healthy adolescents aged 14 to 17 years old, 55 were aged 14 to 15 years old and 47 were aged 16 to 17 years old. With regard to gender, 54 were female. All participants had normal physical capacity according to the CHAQ. Regarding the IPAQ questionnaire for adolescents, it was observed that no individual was sedentary, 18,6% were irregularly active, 46,1% were active and 35,3% were very active. There was no correlation between the dynamic baropodometry parameters and the results obtained in the CHAQ and IPAQ questionnaires (p > 0.05). With regard to the dynamic baropodometry parameters of the 102 individuals, an average walking speed of 318,3 mm/s was observed on the right foot, an average walking speed of 319,3 mm/s on the left foot, an average right foot step time of 747,5 seconds, an average left foot step time of 744,5 seconds, and a cadence (average) of 1,457 steps/sec. Conclusion. In this study, the normality of the gait patterns of apparently healthy adolescents was established, according to dynamic baropodometry. These data will be useful for the continuation of this line of research, since gait may be impaired in patients followed at our pediatric rheumatology clinic.
Descrição
Citação