Perspectiva de famílias sobre os benefícios da intervenção precoce na região metropolitana da baixada santista no estado de São Paulo

Imagem de Miniatura
Data
2023-03-09
Autores
Valverde, Bianca Beraldo dos Reis [UNIFESP]
Orientadores
Jurdi, Andrea Perosa Saigh [UNIFESP]
Tipo
Tese de doutorado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
As ações de Intervenção Precoce (IP) são destinadas às crianças entre 0 e 6 anos incompletos de idade com atrasos no desenvolvimento ou em risco através de acompanhamento multiprofissional. Suas práticas recomendadas relacionam-se a ações que incluam também as famílias e considerem seus contextos de vida, sendo apontado em estudos recentes a efetividade de seus resultados e benefícios também para as famílias. O objetivo deste estudo foi identificar, analisar e compreender os benefícios da IP para as famílias apoiadas na região metropolitana da Baixada Santista no Estado de São Paulo. Foram realizados dois estudos, sendo o primeiro uma revisão de escopo a partir dos protocolos do Joannna Briggs Institute e PRISMA-Scr, respondendo à pergunta: Como os familiares de crianças com atrasos no desenvolvimento ou deficiência compreendem os benefícios (apoio ou suporte recebido) dos serviços de intervenção precoce? Foram encontrados e analisados 55 artigos, sendo organizados quatro diferentes núcleos: Equipe de IP, competências e práticas colaborativas; Empoderamento e autoeficácia familiar; Participação, necessidades pessoais e Qualidade de Vida Familiar; Acesso à informação e aos serviços. O segundo estudo, refere-se à pesquisa empírica, descritiva e quantitativa, que consiste na adequação do conteúdo dos itens à realidade brasileira do Questionário de Identificação dos Benefícios da Intervenção Precoce para a Família desenvolvido em Portugal, e sua aplicação com famílias de crianças com atrasos no desenvolvimento ou deficiência de 0 a 6 anos incompletos que estão em processo de atendimento em IP na região metropolitana da Baixada Santista no Estado de São Paulo. Os resultados obtidos permitiram concluir que as famílias percebem benefícios através da IP, principalmente em fatores relacionados ao desenvolvimento da criança. Embora não tenham sido observadas diferenças estatisticamente significativas destas percepções com as variáveis sociodemográficas dos pais e da criança, tempo de acompanhamento ou apoio recebido fora da IP, notou-se associação da frequência de atendimento com os domínios conhecimento/informação e controle/corresponsabilização. As conclusões sustentam a necessidade do fortalecimento das políticas públicas de IP no Brasil e criação de formação continuada para profissionais da área, sendo este estudo contribuidor para o conhecimento sobre os benefícios do apoio da IP para as famílias.
The Early Intervention (EI) actions are aimed at children between 0 and 6 years of age with developmental delays or at risk through multidisciplinary monitoring. Its recommended practices relate to actions that also include families and consider their life contexts, with recent studies pointing to the effectiveness of its results and benefits. The objective of this study was to identify, analyze and understand the benefits of EI for families supported in the metropolitan region of Baixada Santista in the State of São Paulo. Two studies were carried out. The first is a scoping review based on the Joannna Briggs Institute and PRISMA-Scr protocols, answering the question: How do family members of children with developmental delays or disabilities understand the benefits (outcome or support received) from early intervention services? 55 articles were found and analyzed, being organized into four different cores: EI team, skills and collaborative practices; Family empowerment and self-efficacy; Participation, personal needs and Quality of Family Life; Access to information and services. The second study refers to empirical, descriptive and quantitative research, which consists of adapting the content of the items to the Brazilian reality of the Questionnaire for Identification of the Benefits of Early Intervention for the Family, developed in Portugal, and its application with families of children with developmental delays or disabilities from 0 to 6 incomplete years who are in the process of being assisted in an EI in the metropolitan region of Baixada Santista in the State of São Paulo. The results obtained allowed us to conclude that families perceive benefits through EI, mainly in terms of factors related to the child's development. Although no statistically significant differences were observed between these perceptions and the sociodemographic variables of the parents and the child, length of follow-up or support received outside the EI, an association was observed between the frequency of attendance and the knowledge/information and control/co-responsibility domains. The conclusions support the need to strengthen public policies on EI in Brazil and create continuing education for professionals in the area, with this study contributing to knowledge about the benefits of EI support for families.
Descrição
Citação
VALVERDE, Bianca Beraldo dos Reis. Perspectiva de famílias sobre os benefícios da intervenção precoce na região metropolitana da baixada santista no estado de São Paulo. 2023. 182 f. Tese (Doutorado Interdisciplinar em Ciências da Saúde) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2023.