Adesão e desistência a intervenções baseadas em exercício físico em crianças e adolescentes com obesidade: uma revisão sistemática de ensaios clínicos randomizados

Imagem de Miniatura
Data
2023-03-28
Autores
Guijo, Jaddy Antunes [UNIFESP]
Orientadores
Botero, João Paulo [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Introdução: As taxas de adesão e desistência são críticas para os efeitos positivos a longo prazo do exercício físico (EF) na obesidade infantil. Nosso objetivo foi examinar sistematicamente as características das intervenções de EF na adesão e desistência em crianças e adolescentes com obesidade. Métodos: Seis bancos de dados eletrônicos foram pesquisados desde o início do banco de dados até 11 de janeiro de 2023. Ensaios controlados randomizados (RCTs) conduzidos com crianças e adolescentes (5 a 19 anos) com obesidade foram incluídos. Dois pesquisadores selecionaram estudos independentemente e avaliaram o risco de viés com a escala de classificação PEDro. Devido à alta heterogeneidade, não foi possível realizar uma meta-análise dos dados de adesão. A prevalência de desistência foi calculada e análise de subgrupo comparando diferentes tipos de exercício e uma meta-regressão com potenciais moderadores foram realizadas. Resultados: 27 estudos foram incluídos. A taxa média de adesão foi de 84,3%. Houve uma taxa de desistência de 11%, mas o viés de publicação foi evidente e a análise trim and fill mostrou uma taxa de desistência de 13%. A análise de subgrupo não identificou diferenças significativas. A duração da sessão de treinamento teve um efeito moderador. Com base na escala PEDro, a mediana da pontuação foi de 5/8. Conclusão: Crianças e adolescentes com obesidade tendem a desistir em taxas mais altas em RCTs baseados em exercício com sessões de exercícios mais longas. Apenas 33% dos estudos relatam adesão. Assim, não está claro quais componentes do EF moderam a adesão. Para estudos futuros, os pesquisadores devem definir e apresentar os dados de adesão claramente para que os profissionais de saúde possam avaliar o custo-benefício das intervenções de exercícios.
Background: Adherence and drop-out rates are critical for the positive long-term effects of physical exercise (PE) on childhood obesity. Our objective was to systematically examine the characteristics of PE interventions on adherence and dropout in children and adolescents with obesity. Methods: Six electronic databases were searched from database inception up until Jan 11, 2023. Randomized controlled trials (RCTs) conducted with children and adolescents (5 to 19 years) with obesity were included. Two researchers independently selected studies and evaluated the risk of bias with the PEDro rating scale. Due to the high heterogeneity, it was not possible to perform a meta-analysis of the adherence data. Drop-out prevalence was calculated and subgroup analysis comparing different types of exercise and a meta-regression with potential moderators were performed. Results: 27 trials were included. Mean adherence rate was 84.3%. There was a drop-out rate of 11%, but publication bias was evident and the trim and fill analysis showed a drop-out rate of 13%. Subgroup analysis did not identify significant differences. The duration of the training session had a moderating effect. Based on the PEDro scale, the average score was 5/8. Conclusion: Children and adolescents with obesity tend to drop-out at higher rates in exercise-based RCTs with longer exercise sessions. Only 33% of studies report adherence. Thus, it is unclear which components of PE moderate adherence. For future studies, researchers should define and present adherence data clearly so health professionals can assess the cost-benefits of exercise interventions
Descrição
Citação
GUIJO, Jaddy Antunes. Adesão e desistência a intervenções baseadas em exercício físico em crianças e adolescentes com obesidade: uma revisão sistemática de ensaios clínicos randomizados. 2023. 50 f. Dissertação (Mestrado em Ciências do Movimento Humano e Reabilitação) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2023.