Relações interpessoais ao longo da vida de pessoas em situação de rua usuárias de álcool e outras drogas

Relações interpessoais ao longo da vida de pessoas em situação de rua usuárias de álcool e outras drogas

Alternative title Interpersonal relationships over the life cycle of homeless people alcohol and drug users
Author Espíndola, Marília Ignácio de Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Noto, Ana Regina Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Psicobiologia
Abstract Background: People that living in homelessness are one of the most marginalized groups. However, few studies seek to elucidate factors that trigger and maintain them in this process. This study aims to understand the process of transformation of interpersonal relationships along the life cycle of adults homeless people alcohol and other drugs users found in urban areas of the city of São Paulo. Method: The study design is exploratory qualitative. Professionals Key informants and adults homeless people alcohol and other drugs users were interviewed. Data collection was realized semi-structured interviews, with emphasis on the timeline, and participatory observation. All interviews were fully recorded, transcribed and submitted to thematic analysis. Results: The totality of 40 people participated in the study, 20 were homeless people alcohol and other drugs users and 20 people were key informants. The factors that emerge from the data were organized into six themes with their respective subthemes. In childhood, (Theme 1) the participant's homeless people using alcohol and other drugs alleged instability in the creation, abuse and violence and reported that the father figure is not present or absent. In adolescence (Theme 2) the results that emerged were a dropout and school failure, gender acceptance and sexual orientation, the birth of the first child and unions or marriages. Already in adult life (Theme 3) loss of contact or conflicting relationship with family, health problems, trafficking and prostitution were the emerged subthemes. Cross-sectional factors were also found (Theme 4) with deaths and substance use as subthemes. Theme 5 refers to the factors that maintain social exclusion and have as their theme the interdependence between drugs and the street and depreciative beliefs. The theme 6 potentialities and life resources and the subthemes that emerged were work, housing and art. Final Considerations: From these results, it is necessary to highlight the need to foster interventions that consider the entire history of weaknesses found throughout the life cycles of the homeless people alcohol and other drugs users considering the peculiarities of each age group and articulating. Strategies aimed at reducing stigma, increasing self-esteem, awareness of social exclusion will also be very useful. The work done by people like the key informants of this study could be strengthened and acknowledged mainly at the state level.

Introdução: Pessoas que vivem em situação de rua pertencem a um dos grupos mais marginalizados. Porém, poucos estudos buscam elucidar fatores que desencadeiam e mantém esse processo. Esse estudo tem por objetivo compreender o processo de transformação das relações interpessoais ao longo do ciclo vital de pessoas adultas em situação de rua usuárias de álcool e outras drogas encontradas em regiões urbanas do município de São Paulo. Método: O desenho do estudo é qualitativo exploratório. Foram entrevistados profissionais informantes-chave e pessoas em situação de rua usuário de álcool outras drogas. Coleta de dados foi realizada através de entrevistas semiestruturadas, com ênfase na linha do tempo, e observação participante. Todas as entrevistas foram integralmente gravadas, transcritas e submetidas à análise temática. Resultados: Ao todo 40 pessoas participaram do estudo sendo 20 era PSRU e 20 pessoas eram Informantes Chave. Os fatores que sobressaíram aos dados foram organizados em seis temas com seus respectivos subtemas. Na infância (Tema 1), os participantes pessoas em situação de rua usuária de álcool e outras drogas afirmaram instabilidade na criação, abusos e violências e referiram que a figura paterna pouco presente ou ausente. Na adolescência (Tema 2), os resultados que emergiram foram evasão e insucessos escolares, aceitação de gênero e orientação sexual, nascimento do primeiro filho e uniões ou casamentos. Já na vida Adulta (Tema 3) perda de contato ou relacionamento conflituoso com a família, problemas de saúde, tráfico e prostituição foram os subtemas emergidos. Também foram encontrados fatores transversais (Tema 4), mortes e o uso de substância são subtemas. O tema 5 se refere aos fatores de manutenção da exclusão social e possuem como subtema a interdependência entre as drogas e rua e crenças depreciativas. Já o tema 6 potencialidades e recursos de vida e os subtemas que emergiram foram trabalho, moradia e arte. Considerações Finais: A partir desses resultados é necessário destacar a necessidade de fomentar intervenções que considerem todo o histórico das fragilidades encontradas ao longo dos ciclos de vida das pessoas em situação de rua usuário de álcool outras drogas considerando as peculiaridades de cada faixa etária. Estratégias que visem a redução de estigma, aumento de autoestima, conscientização da situação de exclusão social também serão muito uteis. Os trabalhos realizados por pessoas como as informantes chave desse estudo poderiam receber fortalecimento e reconhecimento principalmente a nível estatal.
Keywords Interpersonal Relationships
Human development
Homeless people
Social marginalization
Substance-related disorders
Psychological Resilience
Relações interpessoais
Pessoas em situação de rua
Desenvolvimento humano
Marginalização social
Trasntorno por uso de substâncias
Resiliência psicológica
Language Portuguese
Sponsor Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)
Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)
Associação Fundo de Incentivo à Pesquisa (AFIP)
Grant number FAPESP: 2017/22150-5
Date 2019-10-31
Published in ESPÍNDOLA, Marília Ignácio de. Relações interpessoais ao longo da vida de pessoas em situação de rua usuárias de álcool e outras drogas. 2019. 81 f. Dissertação (Mestrado em Ciências) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo.
Research area Estudos Epidemiológicos e de Fatores Sócio-culturais Associados ao Uso de Drogas.
Knowledge area Medicina e Sociologia do Abuso de Drogas
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 81 p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=7793822
Access rights Open access Open Access
Type Dissertation
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/58742

Show full item record




File

Name: 2019 ESPÍNDOLA, MARÍLIA IGNÁCIO.Mestrado.pdf
Size: 1.240Mb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account