A ordem de execução do exercício concorrente não influencia o consumo de oxigênio pós-exercício

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2013-12-17
Autores
Lima, Amanda Rodrigues de [UNIFESP]
Orientadores
Azevedo, Paulo Henrique Silva Marques de [UNIFESP]
Tipo
Trabalho de conclusão de curso de graduação
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
O presente estudo teve por objetivo comparar o consumo de oxigênio em excesso pós exercício após duas condições de treinamento concorrente em que a ordem dos exercícios resistido (R) e aeróbio (A) foi alternada. O estudo foi realizado com cinco estudantes universitárias que realizaram quatro testes: 1° Teste de VO2máx, 2° teste de 15 repetições máximas e 3° e 4° testes de treinamento concorrente R+A ou A+R. O consumo de oxigênio pós exercício foi analisado por um analisador de gases (VO2000) 30 minutos contínuos após cada sessão de treinamento. Os resultados indicam que a ordem dos exercícios não influencia o consumo de oxigênio nos 30 minutos após o treino concorrente
The present study aimed tocompareenergy expenditure after two concurrent training conditions.The order of resistance exercises (R) and aerobic (A) was randomized. The study was conducted with five university studentswho performed four tests: 1° VO2maxtest, 2°test 15 maximum repetitions and 3° and 4° concurrent training R + A or A + R. The post exercise oxygen consumption was analyzed by a gas analyzer (VO2000) 30 minutes after each training session. The results indicate that the order of the exercises do not affect oxygen consumption during the 30 minutes after concurrent training.
Descrição
Citação
LIMA, Amanda Rodrigues de. A ordem de execução do exercício concorrente não influencia o consumo de oxigênio pós-exercício. 2013. 35 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Educação Física) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2013.