Avaliação de sintomatologia depressiva e autoestima em usuários de centro de referência no atendimento a queimados

dc.audience.educationlevelDoutorado
dc.contributor.advisorMarcolan, Joao Fernando [UNIFESP]
dc.contributor.authorMoraes, Sandra Renata Pinatti De [UNIFESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Federal de São Paulopt
dc.date.accessioned2022-07-21T16:39:45Z
dc.date.available2022-07-21T16:39:45Z
dc.date.issued2020-09-24
dc.description.abstractIntroduction: Burn is one of the most serious injuries that an individual can suffer, which has a negative impact on physical and emotional variables. Objectives: this study aimed to assess the presence and intensity of depressive symptoms, self-image and self-esteem in burned patient, their associations between the presence of depressive symptoms with self-esteem and self-image and to analyze the impact of these symptoms on personal life and social relationship. Method: Descriptive study with a quantitative and qualitative analysis, with 36 participants attended at the university hospital of reference in the care of burned patients, in Londrina-PR through the application of psychometric scales and interviews recorded on audio and carried out at hospital discharge and ambulatory return. A semi-structured questionnaire was used with sociodemographic variables and burn data; Beck's depression inventory; Hamilton Depression Rating Scales (HAM-D) and Montegomery-Asberg Rating Scale (MADRS) and Rosenberg Self-Esteem Scale. Quantitative data were evaluated by statistical program for descriptive and inferential analysis, qualitative data by content analysis. Results: male predominance (24 - 66.67%), median age of 38 [27-51] years, married (23 - 63.89%), white race (25 - 69.44%), income between one and two minimum salaries (19 - 52.77%), second degree burn was the most prevalent (24 - 66.66%), during labor (18 - 50%), for flammable products (12 - 33, 33%), in the spring (12 - 33.33%); most of them underwent debridement and grafting (29-80.55%), the most affected burned area was upper limbs and hands; the majority did not have a support network (20 - 55.56%). Regarding the psychometric scales, most of the individuals presented depressive symptoms in the first stage (35 - 97.0%) and in the second stage (33 - 91.0%), with a worsening of mild / moderate to severe intensity, in the Hamilton (HAM -D) and Montegomery-Asberg (MADRS) Scales. The Beck Inventory did not show significant changes at both times because it was selfapplied. Low self-esteem was prevalent in most of the participants and worsened from the first to the second stage. Self-esteem showed statistical significance for income (p = 0.007), having a previous depressive diagnosis (p = 0.04) and professing faith (p = 0.005). The qualitative analysis provided two categories: "suffering caused by the burn and the impact on self-image" and "coping with suffering", with three thematic units in each category. There was suffering and guilt for the accident that caused the burn, affective family relationships were strengthened, importance of the family support network, work and health team, self-image was compromised and adversely interfered with self-esteem and depressive symptoms, the perception of their body was stigmatized, but professing a faith / religion and having family support were positive factors to face this new life condition. Conclusion: application of psychometric scales allowed to know the intensity of depressive symptoms and self-esteem / self-image in burned patients. These assessments should be included in the clinical practice. Strengthening family relationships and professing faith/religion were important factors in coping with the situation of suffering.en
dc.description.abstractIntrodução: Queimadura é um dos traumas mais graves que o indivíduo pode sofrer, importância do tema decorre dos transtornos físicos e emocionais que queimadura acarreta na vida dos indivíduos acometidos. Objetivos: avaliar presença e intensidade de sintomas depressivos, autoimagem e autoestima em participantes queimados; relacionar presença de sintomatologia depressiva e comprometimento na autoestima e autoimagem; analisar interferência desta sintomatologia na vida pessoal e de relação. Método: Estudo descritivo com abordagem quantitativa e qualitativa, desenvolvido com 36 participantes atendidos em hospital universitário de referência no atendimento a queimados, em Londrina- PR, por meio da aplicação de escalas psicométricas e entrevistas gravadas em áudio e realizadas quando da alta hospitalar e do retorno ambulatorial. Utilizado questionário semiestruturado com variáveis sociodemográficas e dados sobre queimadura; Inventário de Depressão de Beck; Escalas de Depressão de Hamilton (HAM-D) e Montegomery-Asberg (MADRS) e Escala de Autoestima de Rosenberg. Dados quantitativos foram avaliados por programa estatístico para análise descritiva e inferencial, os qualitativos pela análise de conteúdo. Resultados: Predomínio do sexo masculino (24 - 66,67%), mediana de idade de 38 [27-51] anos, casados (23 - 63,89%), brancos (25 - 69,44%), renda entre um a dois salários mínimos (19 - 52,77%), queimadura mais prevalente de segundo grau (24 - 66,66%), durante ato laboral (18 - 50%), por produtos inflamáveis (12 - 33,33%), na primavera (12 - 33,33%); submeteu-se a maior parte a desbridamento e enxerto (29 - 80,55%), área queimada mais acometida foram membros superiores e mãos; maioria (20 - 55,56%) não possuía rede de apoio. Quanto as escalas psicométricas a maioria apresentou sintomatologia depressiva na primeira etapa (35 - 97,0%) e na segunda (33 - 91,0%), com piora da intensidade leve/moderada para grave, nas Escalas de Hamilton (HAM-D) e Montegomery-Asberg (MADRS), Inventário de Beck não apresentou mudanças significativas nos dois momentos por ser autoaplicável; autoestima baixa se fez presente na maioria dos participantes e com piora da mesma da primeira para a segunda etapa; autoestima apontou significância estatística para renda (p=0,007), possuir diagnóstico depressivo prévio (p=0,04) e professar uma fé (p=0,005). A análise qualitativa forneceu duas categorias: “o sofrimento causado pela queimadura e impacto na autoimagem” e “enfrentamento do sofrimento”, com três unidades temáticas em cada categoria. Verificou-se sofrimento e culpa pelo acidente que acarretou a queimadura permeado pela desatenção; relações de afeto familiares se solidificaram; importância da rede de suporte familiar, do trabalho e da equipe de saúde; autoimagem ficou comprometida e interferiu de modo prejudicial na autoestima e sintomatologia depressiva; percepção que seu corpo foi estigmatizado, mas professar uma fé/religião e contar com apoio familiar consolidou afeto como fator primordial para enfrentar esta nova condição de vida. Conclusão: aplicação de escalas psicométricas permitiu conhecer intensidade da sintomatologia depressiva e autoestima/autoimagem e suas comparações e deve estar na prática a indivíduos queimados; importância do fortalecimento da relação familiar e em crenças religiosas/espiritualidade como fatores de enfrentamento da situação de sofrimento.pt
dc.description.sourceDados abertos - Sucupira - Teses e dissertações (2020)
dc.format.extent242 p.
dc.identifierhttps://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=9713490
dc.identifier.urihttps://hdl.handle.net/11600/64400
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rightsAcesso restrito
dc.subjectDepressive Symptomsen
dc.subjectPsychiatric Nursingen
dc.subjectBurnsen
dc.subjectSelf Concepten
dc.subjectPsychiatric Status Rating Scalesen
dc.subjectSintomatologia Depressivapt
dc.subjectEnfermagem Em Saúde Mentalpt
dc.subjectQueimaduraspt
dc.subjectAutoimagempt
dc.subjectEscalas De Graduação Psiquiátricapt
dc.titleAvaliação de sintomatologia depressiva e autoestima em usuários de centro de referência no atendimento a queimadospt
dc.typeTese de doutorado
unifesp.campusSão Paulo, Escola Paulista de Enfermagem (EPE)pt
unifesp.graduateProgramEnfermagempt
unifesp.knowledgeAreaEnfermagem, Cuidado E Saúdept
unifesp.researchAreaCuidado Em Enfermagem E Saúde Na Dimensão Coletiva (Cesdc)pt
Arquivos