A questão da graça e da livre-escolha em Ma Nuit Chez Maud, de Éric Rohmer

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2016-03-11
Autores
Goncalves, Daniela Cristina [UNIFESP]
Orientadores
Fornazari, Sandro Kobol [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Le but de ce travail consiste à analyser le film Ma nuit chez Maud, de Éric Rohmer, à partir d'une approximation des théories de deux philosophes, Gilles Deleuze et Blaise Pascal, et repose sur l'hypothèse que la construction du personnage principal du récit est marquée par une ambivalence qui va des émotions ressenties aux émotions exprimées, de ses désirs à sa réalisation. Cette ambivalence est aussi bien vérifiée dans les dialogues entre les personnages, comme dans son propre arrangement des plans du film, comme une dualité qui est présente dans plusieurs niveaux du film. Cette dualité confirme une ambivalence dans la construction du caractère du protagoniste, qui montre comment un individu partagé, éprouvant le désir par une femme et qui oscille entre sa contention et sa mise en 'uvre et, plus que cela, met en lumière la question de la grâce et du libre choix dans Ma nuit chez Maud.
A proposta deste trabalho é analisar o filme Ma nuit chez Maud, de Éric Rohmer, partindo de uma aproximação das teorias de dois filósofos, Gilles Deleuze e Blaise Pascal, e se baseia na hipótese de que a construção da personagem principal da narrativa é marcada por uma ambivalência que vai das emoções sentidas às expressadas, de seus desejos à sua realização. Esta ambivalência é verificada tanto nos diálogos entre as personagens, como na própria disposição dos planos cinematográficos, como suporte a uma dualidade que se faz presente em vários níveis do filme. Esta dualidade confirma uma ambivalência na construção do caráter do protagonista, que se mostra como um indivíduo dividido, vivenciando o desejo por uma mulher, e que oscila entre sua contenção e sua realização e, mais que isso, põe em evidência a questão da graça e da livre escolha em Ma nuit chez Maud.
Descrição
Citação
GONCALVES, Daniela Cristina. A questão da graça e da livre-escolha em Ma Nuit Chez Maud, de Éric Rohmer. 2016. 127 f. Dissertação (Mestrado) - Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), Guarulhos, 2016.
Coleções