Alterações das células de Langerhans e sua relação com lesão histopatológica do colo uterino por papilomavírus humano em pacientes com captura híbrida positiva

dc.contributor.advisorRibalta, Julisa Chamorro Lascasas [UNIFESP]
dc.contributor.advisorRibalta, Julisa Chamorro Lascasas [UNIFESP]
dc.contributor.authorUchimura, Nelson Shozo [UNIFESP]
dc.date.accessioned2015-12-06T23:02:30Z
dc.date.available2015-12-06T23:02:30Z
dc.date.issued2002
dc.description.abstractOBJETIVOS: A presenca do HPV associada a imunodepressao mediada por celulas pode ser o inicio da oncogenese. As celulas de Langerhans exercem papel fundamental como celulas apresentadoras de antigenos estranhos aos linfocitos T-CD4. Esse estudo objetivou avaliar as modificacoes morfologicas, densidade, localizacao e tipo de celulas de Langerhans, em mulheres com e sem lesao viral histopatologica. METODOLOGIA: Foram estudadas quatorze mulheres com infeccao sub-clinica de HPV e submetidas a exames clinico, colpocitologico, colposcopico e as biopsias pareadas de colo uterino. Para essas amostras de colo uterino foram efetuados exames de histopatologia, Captura Hibrida para HPV e imuno-histoquimica S100. Analisaram-se os grupamentos atraves de teste do sinal de Wilcoxon. RESULTADOS: A localizacao mais frequente das celulas de Langerhans nas amostras de biopsia de colo uterino foi verificada nas camadas intermediaria e basal do epitelio e na camada sub-epitelial do estroma. Ha importantes modificacoes nos tecidos com e sem lesao histopatologica viral, quanto a densidade nos perfis citoplasmaticos e a relacao perfis citoplasmaticos/nucleo no epitelio e estroma. Modificacoes morfologicas significativas ocorrem na presenca do HPV, tornando as celulas de Langerhans com dendritos curtos e menos numerosos, tanto no epitelio quanto no estroma. CONCLUSOES: O presente estudo observou alteracoes citoplasmaticas significantes das celulas de Langerhans no tecido com lesao histopatologica quando comparada ao tecido sem lesao viral sugerindo que a progressao da infeccao viral determina alteracoes citoplasmaticas nessas celulas,' agravando suas, funcoes, imunologicas e somadas a efeitos do DNA viral contribuiriam de forma incisiva na oncogenese da neoplasia do colo uterinopt
dc.description.sourceBV UNIFESP: Teses e dissertações
dc.format.extent99 p.
dc.identifier.citationSão Paulo: [s.n.], 2002. 99 p. ilustab.
dc.identifier.fileepm-018150.pdf
dc.identifier.urihttp://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18223
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rightsAcesso restrito
dc.subjectCélulas de Langerhanspt
dc.subjectPapillomaviridaept
dc.subjectCélulas Dendríticaspt
dc.subjectImunidadept
dc.subjectColo do Úteropt
dc.subjectLangerhans Cellsen
dc.subjectPapillomaviridaeen
dc.subjectDendritic Cellsen
dc.subjectImmunityen
dc.subjectCervix Uterien
dc.titleAlterações das células de Langerhans e sua relação com lesão histopatológica do colo uterino por papilomavírus humano em pacientes com captura híbrida positivapt
dc.title.alternativeChanges in Langerhans'cells and their relationship with histopathological lesion of the uterine by human papillomavirus in positive hybrid capture patientsen
dc.typeTese de doutorado
unifesp.campusSão Paulo, Escola Paulista de Medicina (EPM)pt
unifesp.graduateProgramMedicina (Ginecologia)
Arquivos