A Fé sem obras: o impacto das religiões cristãs na crise política brasileira no século XXI

Imagem de Miniatura
Data
2023-01-09
Autores
Moura, Sérgio Sanção de [UNIFESP]
Orientadores
Solano, Esther [UNIFESP]
Tipo
Trabalho de conclusão de curso de graduação
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
A política brasileira e por consequência a história do país é visto por estudiosos como mais estática do que evolutiva, uma vez que sua história tende mais a manter padrões do que a se estender para grandes mudanças ou revoluções, isso pode ser interpretado pelas insuficientes quebras de paradigmas que se firmaram ao longo da história, por questões socioculturais ou cristãs de manter o status quo e não dar espaços a grupos marginalizados da sociedade. Buscando a manutenção de políticas conservadores, o Brasil enxugou problemas estruturais na história nacional relacionados aos negros, mulheres e religiões não-cristãs, ao longo de toda essa manutenção conservadora, é possível identificar que a religião, que para muitos sociólogos e antropólogos estaria em rota de ter menos representação política e social no Brasil, ganhou forte destaque nas discussões políticas, como nas eleições presidenciais de 2017 onde foram utilizadas pautas cristãs como mecanismos de marketing e ascensão política nas eleições. Este artigo busca revisitar o crescimento dos grupos cristãos na política brasileira, qual a influência das lideranças católicas e evangélicas na política brasileira no século XXI e como foram ocupando espaços durante os anos. Neste entorno se constrói as perguntas que serão o centro da exploração de pesquisa: Como as religiões cristãs mudaram o debate político? É possível entender que seu impacto minimizou problemáticas de construções econômicas e sociais na política para focar em questões de moral e ética? E assim, qual a influência das religiões cristãs na crise política brasileira no século XXI? Tais objetivos de pesquisa, portanto, serão entender a significativa influência religiosa no debate político brasileiras durante o século XXI, selecionando diversas áreas dos discursos políticos e dos grupos religiosos que se convergiram e através de publicações acadêmicas e relatórios sobre o cristianismo e políticas, entendendo seus efeitos no desenvolvimento do país.
Brazilian politics and consequently the history of the country is seen by researchers as more static than evolutionary, since its history tends more to maintain repetitive patterns than to extend to major evolutions or revolutions, this can be interpreted by the lack of breaks of paradigms that have established themselves throughout history, whether due to sociocultural issues or the religious pursuit of not simply maintaining the status quo, seeking to maintain conservative policies, Brazil has wiped out structural problems in national history that place blacks, women on the margins of society and non-Christian religions, throughout all this maintenance, it is possible to identify that religion, which for many sociologists and anthropologists would be on the way to having less political and social representation, in 2018 was used as a mechanism and marketing in presidential sweepstakes. This article seeks to revisit the growth of Christian groups in Brazilian politics,the influence of Catholic and Evangelical leaders in Brazilian politics in the 21st century and how they have occupied spaces in politics in recent years. In this environment, the questions that will be the center of the research exploration are constructed: How did the Christian religions change the political debate? Is it possible to understand that its impact minimized problems of economic and social constructions in politics to focus on moral and ethical issues? And so, what is the influence of Christian religions on the Brazilian political crisis in the 21st century? The research objectives, therefore, will be to understand the significant religious influence in the conduct of Brazilian politics during the 21st century, selecting several areas of political discourses and religious discourses that converged and through academic publications and reports on Christianity and politics, understanding their effects on the country's development.
Descrição
Citação
MOURA, Sérgio Sanção de. A Fé sem obras: o impacto das religiões cristãs na crise política brasileira no século XXI. 2023. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Relações Internacionais) - Universidade Federal de São Paulo, Escola Paulista de Política, Economia e Negócios, Osasco, 2023.