The return to work of individuals with musculoskeletal disorders

Imagem de Miniatura
Data
2017
Autores
Pestana, Barbara Militelo [UNIFESP]
Valença, Janaina Bussola Montrezor [UNIFESP]
Graeser, Agatha Egle Moreira [UNIFESP]
Alencar, Maria do Carmo Baracho de [UNIFESP]
Orientadores
Tipo
Artigo
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Introduction: The return to work is a complex process and there are some difficulties and challenges to workers with RSI/WRMSD. Objective: To investigate the experiences during the process of return to work of individuals affected with work-related musculoskeletal disorders. Method: Exploratory, descriptive, retrospective and qualitative study. It had two steps: (1) Documentary analysis of open records in CEREST, Santos-SP, from July 2014 to July 2015. Records selection of the individuals with clinical diagnosis of RSI/WRMSD. (2) Selection of individuals who experienced the process of return to work, use of a pre-elaborated script for conducting semi-structured and individuals interviews. The interviews were recorded and transcribed for content analysis by thematic categories. Results: For this study, six (n=6) individuals participated in the interviews, aged 28-54 years, the majority female (n=5), with incomplete high school educational level and with varied professions. The testimonies showed: return to work for the same function; no respect to the physical restrictions/limitations; resurgence of painful symptoms; fear and risk of dismissal; feeling of inability and the importance of a family support. Conclusion: The return to work process requires interventions of multiprofessional teams and interdisciplinary actions.
Introdução: O retorno ao trabalho é um processo complexo e há dificuldades e desafios aos trabalhadores acometidos por LER/DORT. Objetivo: Investigar as vivências durante o processo de retorno ao trabalho de sujeitos acometidos por LER/DORT. Método: Estudo exploratório, descritivo, retrospectivo e com resultados qualitativos. Teve duas etapas: (1) análise documental de prontuários abertos do CEREST, Santos-SP, período de julho de 2014 a julho de 2015. Seleção de prontuários de sujeitos com diagnóstico clínico de LER/DORT.(2) Seleção de sujeitos que vivenciaram o processo de retorno ao trabalho, utilização de roteiro pré-elaborado para a realização de entrevistas individuais semiestruturadas. As entrevistas foram gravadas e transcritas na íntegra para análise de conteúdo por categorias temáticas. Resultados: Participaram das entrevistas seis (n=6) sujeitos, faixa etária entre 28 e 54 anos, a maioria (n=05) do gênero feminino, com escolaridade de ensino médio incompleto e de profissões variadas. Os depoimentos evidenciaram: retorno ao trabalho para a mesma função, desrespeito às restrições/limitações físicas; ressurgimento de sintomas dolorosos; medo e risco da demissão; sentimentos de incapacidade e a importância de um apoio familiar. Conclusão: O processo de retorno ao trabalho requer a atuação de equipes multiprofissionais e ações interdisciplinares.
Descrição
Citação
Cadernos Brasileiros de Terapia Ocupacional - Brazilian Journal of Occupational Therapy. Sao Carlos, v. 25, n. 4, p. 735-742, 2017.
Coleções