Health rather than excellence: the suffering of nutrition attendants of a Public Hospital affected by RSI/WRMSD

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2018
Autores
Alencar, Maria do Carmo Baracho de [UNIFESP]
Merlo, Alvaro Roberto Crespo
Orientadores
Tipo
Artigo
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
This article presents the results of a research that aimed to understand the relationship between aspects of the work organization and the health of nutrition workers affected by RSI/WRMSD. Throughout the process, absenteeism statistics related to RSI/WRMSD were obtained from a Public Hospital in Porto Alegre/RS, from 06/01/2015 to 06/30/2016, and a section of such hospital was selected for further study. We selected the Food Distribution Section and its nutrition attendants for the research. A structured questionnaire with sociodemographic and professional data and the Self-Reporting Questionnaire (SRQ-20) were used to investigate the prevalence of common mental disorders (CMD), and collective interviews were conducted with attendants affected by RSI/WRMSD, using the theoretical reference of the Work Psychodynamics. Results obtained pointed to ways of organizing and managing work which included excessive pressure, moral harassment, and lack of recognition, generating suffering and influencing the processes of illness. A space for listening and discussing work issues is suggested, with meetings involving all workers, nutrition technicians, and the coordination, which may characterize a permanent action.
Este artigo apresenta resultados de pesquisa cujo objetivo foi compreender as relações entre os aspectos da organização do trabalho e a saúde de atendentes de nutrição acometidos por LER/Dort. Durante o processo houve levantamento de estatísticas de absenteísmo relacionado a LER/Dort em um hospital público em Porto Alegre/RS, no período de 1 de junho de 2015 a 30 de junho de 2016, e seleção da Seção de Distribuição de Alimentos e de seus atendentes de nutrição para aprofundamentos. Foram utilizados um questionário estruturado com dados sociodemográficos e de trabalho e o instrumento Self-Reporting Questionnaire (SRQ-20), para pesquisar a prevalência de transtornos mentais comuns (TMC), e realizadas entrevistas coletivas com os atendentes acometidos por LER/Dort, utilizando o referencial teórico da psicodinâmica do trabalho. Os resultados obtidos apontaram para modos de organização do trabalho e gestão com cobranças excessivas, assédio moral e falta de reconhecimento no trabalho, que geram sofrimento e influenciam nos processos de adoecimento. Sugere-se um espaço de escuta e discussões com reuniões que envolvam os trabalhadores, técnicos de nutrição e a coordenação que possam caracterizar uma ação permanente.
Descrição
Citação
Saude e Sociedade. Sao Paulo, v. 27, n. 1, p. 215-226, 2018.
Coleções