Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/60438
Title: Avaliação do potencial pró-inflamatório induzido por Lipopolissacarídeo, combinado ou não com o Ácido Graxo Saturado Palmitato, em linhagem celular de micróglias: estudo in vitro da relação obesidade, inflamação e sistema nervoso central
Other Titles: Evaluation of the pro-inflammatory potential induced by Lipopolysaccharide, combined or not with Palmitate Saturated Fatty Acid, in microglia cell line: in vitro study of the relationship between obesity, inflammation and central nervous system
Authors: Mendes-da-Silva, Cristiano [UNIFESP]
Silva, Valkiria Guilherme Assis da [UNIFESP]
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
http://lattes.cnpq.br/0905802370100856
http://lattes.cnpq.br/7868915353525184
Cheberle, Ana Isabel do Prado [UNIFESP]
http://lattes.cnpq.br/9688543931584508
Keywords: Inflamação
Células BV-2
Sistema nervoso
Dieta Hiperlipídica
Inflammation
Hyperlipidic Diet
Nervous system
BV-2 cells
Issue Date: 25-Feb-2021
Publisher: Universidade Federal de São Paulo
Citation: SILVA, Valkiria Guilherme Assis da. Avaliação do potencial pró-inflamatório induzido por Lipopolissacarídeo, combinado ou não com o Ácido Graxo Saturado Palmitato, em linhagem celular de micróglias: estudo in vitro da relação obesidade, inflamação e sistema nervoso central. 2021. 20f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Nutrição) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2021.
Abstract: Introdução: A obesidade e a dieta hiperlipídica (DHL) contribuem para um estado pró-inflamatório no sistema nervoso central (SNC) pela ativação da cascata de sinalização do receptor toll-like 4 (TLR-4) através da ligação com lipopolissacarídeo (LPS) e ácido graxo saturado palmitato (PALM), que induzem a produção de citocinas pró-inflamatórias, podendo gerar alterações metabólicas, dano e morte celular. Objetivo: Avaliar a resposta inflamatória das culturas de células BV-2 (micróglias) expostas ao LPS ou PALM ou a combinação de ambos. Metodologia: As células foram cultivadas em meio DMEM contendo 10% de Soro Fetal Bovino (SFB) a 37°C, sob atmosfera de 5% de CO₂. Foi realizado o teste de MTT com diferentes dosagens de LPS e PALM, e o tratamento celular com esses componentes combinados ou isolados. O sobrenadante foi utilizado na técnica ELISA para quantificar a citocina TNF-alfa. Foi avaliada a expressão de JNK e pJNK do extrato protéico das células através de Western Blotting. Resultados: PALM e LPS combinados e isolados diminuíram a viabilidade celular. PALM não causou alterações nos parâmetros inflamatórios avaliados. LPS gerou uma resposta pró-inflamatória, apresentando níveis aumentados de TNF-alfa e pJNK. Considerações Finais: Ambos tratamentos diminuíram a viabilidade celular, mas somente LPS promoveu um ambiente pró-inflamatório. Os resultados sugerem que a combinação de PALM e LPS pode produzir um estímulo pró-inflamatório ainda mais potente com capacidade de danificar o tecido nervoso, mimetizando in vitro, possíveis efeitos da DHL sobre o SNC.
Introduction: Obesity and the high-fat diet (HFD) contribute to a pro-inflammatory state in the central nervous system (CNS) by activating the signaling cascade of the toll-like receptor 4 (TLR-4) through binding with Lipopolysaccharide (LPS) and palmitate saturated fatty acid (PALM) that induce the production of pro-inflammatory cytokines, which can generate metabolic changes, damage and cell death. Objective: To evaluate the inflammatory response of BV-2 cell cultures (microglia) exposed to LPS or PALM or a combination of both. Methodology: The cells were cultured in DMEM medium containing 10% fetal bovine serum (FSB) at 37 ° C, under an atmosphere of 5% CO₂. The MTT test was performed with different dosages of LPS and PALM, and the cell treatment with these components combined or isolated. The supernatant was used in the ELISA technique to quantify the cytokine TNF-alpha. The expression of JNK and pJNK from the protein extract of cells was evaluated using Western Blotting. Results: PALM and LPS combined and isolated decreased cell viability. PALM did not cause changes in the inflammatory parameters evaluated. LPS generated a proinflammatory response, showing increased levels of TNF-alpha and pJNK. Final Considerations: Both treatments decreased cell viability, but only LPS promoted a pro-inflammatory environment. The results suggest that the combination of PALM and LPS can produce an even more potent pro-inflammatory stimulus with the capacity to damage nervous tissue, mimicking in vitro, possible effects of DHL on the CNS
URI: https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/60438
Appears in Collections:Nutrição



Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.