Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unifesp.br/11600//handle/11600/16350
Title: Vias e mecanismos neurais envolvidos nos ajustes cardiovasculares induzidos pela expansao de volume em ratos
Other Titles: Pathways and mechanisms involved neural in cardiovascular measured induzed by volume expansion in anaesthetized rats
Authors: Colombari, Debora Simoes de Almeida [UNIFESP]
Keywords: Pressão Arterial
Sistema Nervoso Central
Volume Cardíaco
Fluxo Sanguíneo Regional
Fator Natriurético Atrial
Issue Date: 1999
Publisher: Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Citation: São Paulo: [s.n.], 1999. 102 p.
Abstract: A manutencao do volume e da composicao do liquido extracelular (LEC) dentre de limites estreitos e essencial para a homeostasia celular. Variacoes no volume do LEC e de sua composicao sao rapidamente detectados pelo sistema nervoso central (SNC) atraves de sinais provenientes dos osmorreceptores centrais e perifericos, concentracao plasmatica de hormonios circulantes, e pelos barorreceptores e receptores cardiopulmonares. A expansao aguda do volume circulante produz respostas neurais, renais, cardiovasculares e hormonais, que tem como objetivo aumentar a diurese e natriurese ate que os niveis basais do LEC sejam restabelecidos. Neste estudo, nos propusemos a determinar: 1. as vias aderentes envolvidas nas respostas cardiovasculares a expansao de volume (EV); 2. as vias centrais e os mecanismos envolvidos nestas respostas. Ratos Wistar machos (280-320 g) foram anestesiados com uretana iv (1.2 g/kg, iv) apos inducao com halotana (2 por cento em 1OO por cento de 02). Cateteres foram inseridos em ambas veias femorais e na arteria femoral esquerda para administracao de drogas, VE e medidas de pressao arterial media (MAP), respectivamente. Sondas foram posicionadas ao redor da arteria renal esquerda e da aorta abdominal inferior para o registro do fluxo sanguineo renal (FR) e dos membros posteriores (FMP), respectivamente. O FR e o FMP foram medidos por fluxometria Doppler e expresso como percentagem do basal. A condutancia vascular relativa (CR e CMP) foi calculada com a razao variacao Doppler e MAP e expressas como percentagem do basal. A EV foi realizada pela infusao de Ficoll 4 por cento (Pharmacia), 1 por cento do peso corporal a O,4 mL/min. MAP, frequencia cardiaca (FC), e os fluxos renal e dos membros posteriores e as condutancias vasculares foram registradas por 60 min apos o inicio da EV. Os resultados obtidos demonstraram que: a. em animais controles, a EV produziu um aumento transitorio (< 20 min) na PAM e vasodilatacao mantida (u 60 min) nos leitos renal e dos membros posteriores; b. apos a vagotomia bilateral (remocao dos receptores cardiopulmonares), os ajustes cardiovasculares induzidos pela EV foram semelhantes aos dos animais controles; c. em ratos com desnervacao sino-aortica (remocao dos barorreceptores arteriais) a resposta pressora da EV estava aumentada, mas a vasodilatacao renal foi bloqueada, enquanto que a vasodilatacao dos membros posteriores foi semelhante ao obsrevada em ratos controle; d. em ratos com denesvacao ...(au)
URI: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16350
metadata.dc.language.iso: por
metadata.dc.rights: Acesso restrito
metadata.dc.type: Tese de doutorado
metadata.dc.format.extent: 102 p.
Appears in Collections:Em verificação - Dissertações e teses

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.