Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15718
Title: Ação da melatonina sobre a adrenal de ratas pinealectomizadas
Other Titles: Melatonin effects on the adrenal glands of rats submitted to pinealectomy
Authors: Simões, Manuel de Jesus [UNIFESP]
Evencio Neto, Joaquim [UNIFESP]
Keywords: Animais
Ratos
Melatonina
Glândulas suprarrenais
Glândula pineal/cirurgia
Issue Date: 1998
Publisher: Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Citation: São Paulo: [s.n.], 1998. 55 p.
Abstract: As relacoes entre as glandulas pineal e adrenal, tem sido objetivos de varios estudos, sendo a acao da melatonina sobre a adrenal ainda e bastante discutido. Baseado neste dados, propusemos-nos a realizar este trabalho, com o objetivo de estudar a acao da melatonina sobre a adrenal de ratas submetidas a pinealectomia. Para tanto utilizamos 36 ratas adultas, com tres meses de idade, com ciclos estrais normais, que foram divididas, por sorteio, em seis grupos de seis animais cada, a saber: GI- controle + etanol tres meses, GII- controle + etanol seis meses; GIII- pinealectomizadas + etanol tres meses; GIV- pinealectomizadas + etanol seis meses; GV- pinealectomizadas + melatonina tres meses; GVI- pinealectomizadas + melatonina seis meses. Apos tres ou seis meses de experimento, coletamos a adrenal dos animais, que foram pesadas e fixadas em liquido de Bouin, para analise microscopica, atraves de morfometria nuclear e testes de imunohistoquimica para marcacao de proliferacao celular (PCNA) e de celulas em apoptose (teste TUNEL). Foi realizado analise estatistica para comparar od grupos estudados. Os resultados mostram que a pinealectomia reduziu o peso da adrenal aos tres meses: ja o tratamento com melatonina reduziu a zona glomerulosa aos tres meses e induziu hipertrofia nuclear na zona glomerulosa. A pinealectomia aumentou a proliferacao celular e o tratamento dos animais pinealectomizado, com melatonina, bloqueou a proliferacao nuclear. A pinealectomia, aos seis meses aumentou o numero de celulas em apoptose. Nossos resultados mostraram que a pineal influencia a adrenal de ratas no sentido da proliferacao celular, da apoptose, ou mesmo do seu metabolismo
URI: http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15718
Appears in Collections:Em verificação - Dissertações e teses

Files in This Item:
There are no files associated with this item.


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.