Decalque Do Invisível - A Idealidade Em Kierkegaard

dc.audience.educationlevelDoutorado
dc.contributor.advisorRosa Filho, Silvio [UNIFESP]
dc.contributor.authorSoares, Vinicius De Castro [UNIFESP]
dc.contributor.institutionUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)pt
dc.date.accessioned2020-03-25T12:10:13Z
dc.date.available2020-03-25T12:10:13Z
dc.date.issued2018-05-30
dc.description.abstractIt Proposes A Reading On The Problem Of Ideality In The Søren Kierkegaard"S Work. The Analysis Of The Author"S Texts Suggests That The Ideality Has A Direct Relation With The Effectiveness Of The Existence. However, Ideality Must Be Taken As A Negative And Dialectical Movement, Corresponding To The Domain Of Thought As A Whole. In An Ontological Approach, The Negative Of Ideality Points Towards Effectiveness, But It Reveals, At The Summit Of Its Pretensions, The Inability To Deal With Existence. Therefore, As An Incomprehensible Jump To Reflection, Existence Is Not An Ideality, But It Is The Invisible And Present Residue That Escapes The Domain Of Thought. This Paper Is Divided Into Three Stages. In The First Chapter, A Survey Of The Theme Of Ideality Is Made, Touching The Question Of Finitude And The Presence Of A Regulative Horizon, Allowing Us From This To Refuse To Read An Idealistic Conception Of Existence. In The Second Chapter, It Mobilizes The Notion Of Ideality In A Dialectical Record Of The Construcen
dc.description.abstractPropõe Uma Leitura Sobre O Problema Da Idealidade Na Obra De Søren Kierkegaard. A Análise De Textos Do Autor Sugere Que A Idealidade Tem Uma Relação Direta Com A Efetividade Da Exitência. Contudo A Idealidade Deve Ser Tida Por Um Movimento Negativo E Dialético, Correspondendo A Todo O Domínio Do Pensamento. Em Uma Abordagem Ontológica, O Negativo Da Idealidade Aponta Para A Efetividade, Mas Revela, No Cume De Suas Pretensões, A Incapacidade De Lidar Com A Existência. Por Isso, Como Um Salto Incompreensível À Reflexão, A Existência Não É Uma Idealidade, E Sim O Resíduo Invisível E Presente Que Escapa Ao Domínio Do Pensamento. Nosso Trabalho Divide-Se Em Três Etapas. No Primeiro Capítulo, É Feito Um Levantamento Do Tema Da Idealidade, Tocando A Questão Da Finitude E Da Presença De Um Horizonte Regulativo, Permitindo-Nos, A Partir Disso, Recusar A Leitura De Uma Concepção Idealista Da Existência. No Segundo Capítulo, Mobilizamos A Noção De Idealidade Em Um Registro Dialético Da Construção Do Eu, Mostrando Como Kpt
dc.description.sourceDados abertos - Sucupira - Teses e dissertações (2018)
dc.format.extent197 p.
dc.identifierhttps://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=6377496pt
dc.identifier.file2018-0532.pdf
dc.identifier.urihttps://repositorio.unifesp.br/handle/11600/52591
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rightsAcesso aberto
dc.subjectKierkegaarden
dc.subjectIdealityen
dc.subjectOntologyen
dc.subjectInvisibilityen
dc.subjectSilenceen
dc.subjectKierkegaard Idealidadept
dc.subjectOntologiapt
dc.subjectInvisibilidadept
dc.subjectSilênciopt
dc.titleDecalque Do Invisível - A Idealidade Em Kierkegaardpt
dc.typeTese de doutorado
unifesp.campusGuarulhos, Escola de Filosofia, Letras e Ciências Humanaspt
unifesp.graduateProgramFilosofiapt
unifesp.knowledgeAreaCiências Humanaspt
unifesp.researchAreaPolítica, Conhecimento E Sociedadept
Arquivos
Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
2018-0532.pdf
Tamanho:
1.03 MB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
Coleções