Bioinvasão em ambientes marinhos costeiros da Baía da Ilha Grande: levantamento bibliográfico e discussão sobre invertebrados sésseis não-nativos, suas ameaças e ações de manejo

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2022-02-08
Autores
Barbosa, Lanay Nunes [UNIFESP]
Orientadores
Ignacio, Barbara Lage [UNIFESP]
Tipo
Trabalho de conclusão de curso de graduação
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Invasões biológicas ocorrem quando há o estabelecimento de espécies fora da sua área de distribuição natural, podendo provocar impactos ecológicos e econômicos. Ambientes marinhos são altamente susceptíveis a sofrerem bioinvasão, intencional ou não, principalmente em locais com alto tráfego de navios, em áreas como portos. Estas espécies introduzidas podem ser uma ameaça ao equilíbrio do ecossistema, causando impactos na abundância, riqueza e composição das comunidades nativas, assim como prejudicar o funcionamento dos ecossistemas. A Baía da Ilha Grande, localizada no Rio de Janeiro, detém uma grande diversidade de ecossistemas marinhos e possui um grande fluxo de atividades antropogênicas ao longo de sua área - embora não seja considerada um ambiente de alto impacto antropogênico quando comparado, por exemplo, com as Baías de Sepetiba e Guanabara (ambas no RJ), de Santos em SP ou a de Todos os Santos na BA. Este estudo objetiva levantar, compilar e discutir informações posteriores ao primeiro estudo abrangente publicado para comunidades de invertebrados sésseis no Brasil (Ignacio et al. 2010) e referentes ao registro de novas espécies de invertebrados sésseis não-nativos. Desta maneira, o estudo fornecerá subsídios para ações de manejo e conservação dos sistemas naturais.
Biological invasions occur when species are established outside their natural range, which can cause ecological and economic impacts. Marine environments are highly susceptible to bioinvasion, intentional or not, especially in places with high ship traffic, in areas such as ports. These introduced species can be a threat to the balance of the ecosystem, causing impacts on the abundance, richness and composition of native communities, as well as harming the functioning of ecosystems. Ilha Grande Bay, located in Rio de Janeiro, has a great diversity of marine ecosystems and has a large flow of anthropogenic activities throughout its area - although it is not considered an environment of high anthropogenic impact when compared, for example, with the Bays of Sepetiba and Guanabara (both in RJ), Santos in SP or Todos os Santos in BA. This study aims to collect, compile and discuss information subsequent to the first comprehensive study published for sessile invertebrate communities in Brazil (Ignacio et al. 2010) and concerning the record of new non-native sessile invertebrate species. In this way, the study will provide subsidies for management and conservation actions of natural systems.
Descrição
Citação
BARBOSA, Lanay Nunes. Bioinvasão em ambientes marinhos costeiros da Baía da Ilha Grande: levantamento bibliográfico e discussão sobre invertebrados sésseis não-nativos, suas ameaças e ações de manejo. 2022. 55 f. Trabalho de conclusão de curso (Graduação em Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia do Mar) - Instituto do Mar, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2022.