A transição do cuidado, o papel do farmacêutico como educador em saúde

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2024-04-24
Autores
Solbiati, Vanessa Piovani [UNIFESP]
Orientadores
Mazzaia, Maria Cristina [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado profissional
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Esta pesquisa tem como objetivo conhecer a percepção e a atuação do farmacêutico como educador em saúde em farmácias comunitárias e hospitalares. Esta foi uma pesquisa exploratória, descritiva, de abordagem quantitativa e qualitativa, portanto, estudo multimétodo. Os participantes foram farmacêuticos atuantes em farmácias hospitalares e em farmácia comunitária, que responderam a dois tipos distintos de questionários semiestruturados sobre a atuação do farmacêutico no processo de orientação e educação em saúde nos contextos que desenvolvem suas atividades profissionais. Participaram desta pesquisa 82 farmacêuticos, sendo 51 farmacêuticos hospitalares e 31 comunitários de diferentes regiões do país. Referente aos farmacêuticos hospitalares, 41% trabalhavam em hospitais particulares, 63% realizavam orientações de alta a seus pacientes, deste percentual, 94% estabeleciam critérios para realização destas orientações, sendo relatado por estes profissionais os temas mais abordados e para quais pacientes que estas orientações eram destinadas. A retenção de informação pós-orientação, era realizada por 62% dos farmacêuticos. Referente aos farmacêuticos comunitários, 74% realizavam orientação para alguns pacientes e 23% para todos os pacientes na aquisição de medicamentos para o tratamento de doenças cardiovasculares, 80% dos farmacêuticos declararam realizar orientação verbal e 90% referiram que esta orientação era realizada no balcão da farmácia e o principal desafio relatado por 32,7% dos farmacêuticos para a realização destas orientações, foi o número de funcionários reduzidos. A construção do Produto Educacional, teve como objetivo relatar as etapas de idealização, elaboração, diagramação e avaliação de um Guia de Cuidado Farmacêutico e Medicamentos Cardiovasculares, com informações relevantes para consulta rápida de farmacêutico na orientação de seus pacientes, que é o produto educacional deste estudo. Esta pesquisa destacou a importância do farmacêutico como educador em saúde, que pode, por meio das orientações, fornecer aos seus pacientes, informações de qualidade sobre medicamentos e desta forma impactar a adesão da terapia medicamentosa.
This research aims to know the perception and performance of pharmacists as health educators in hospital pharmacies and drugstores. This was an exploratory, descriptive field research with a quantitative and qualitative approach, therefore, a multi-method study. The survey participants were hospital and drugstore pharmacists, who answered two different types of semi-structured questionnaires about the role of pharmacists in the process of orientation and health education in each professional context. A total of 82 pharmacists from different places of the country participated in this research, 51 of these were hospital pharmacists and 31 were drugstore pharmacists. Regarding hospital pharmacists, 41% worked in private hospitals, 63% providing hospital discharge guidance for their patients, however, 94% determining criteria to execute these orientations. In these orientations, these professionals told about the most approached contents and for which patients this orientations were realized. The information retention assessment has done for 62% of the pharmacists. Regarding drugstore pharmacists, 74% provided guidance to some patients and 23% for all patients on the purchase of medicines for the treatment of cardiovascular diseases, 80% reported that they provided verbal guidance, 90% reported that this guidance was carried out at the pharmacy counter and the main challenge reported by 32.7% of pharmacists to carry out guidance to their patients were the reduced number of employees at the drugstore. The construction of the Educational Product aimed to report the stages of idealization, elaboration, layout and evaluation of a Guide to Pharmaceutical Care and Cardiovascular Medications, with relevant information for quick consultation of pharmacists in the orientation of their patients, which is the educational product of this study. This research highlighted the importance of pharmacists like health educators, who can, through guidance, provide to their patients quality information about medicines and improve adherence of drug therapy.
Descrição
Citação
SOLBIATI¸ Vanessa Piovani. A transição do cuidado, o papel do farmacêutico como educador em saúde. 2024. 127 f. Dissertação (Mestrado) – Escola Paulista de Enfermagem, Universidade Federal de São Paulo, São Paulo, 2024.