Síndrome de Wolf-Parkinson-White: correlação entre a localização das vias acessórias, gênero e sua forma de apresentação (manifesta ou oculta)

Carregando...
Imagem de Miniatura
Data
2022-02-01
Autores
Ferro, Carlos Romério Costa [UNIFESP]
Orientadores
Paola, Angelo Amato Vincenzo de [UNIFESP]
Tipo
Tese de doutorado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Avaliar a correlação entre a localização das Vias Acessórias (VA) com os gêneros masculino e feminino e sua forma de apresentação (manifesta ou oculta) é o cerne deste trabalho. Para o percurso investigativo, fez-se necessário um estudo retrospectivo e observacional com 942 pacientes consecutivos, todos com diagnóstico de VA confirmado por estudo eletrofisiológico (EEF), compreendendo o período de janeiro/1994 a dezembro/2008. Vale esclarecer que, para a devida investigação, as VA foram classificadas em oito grupos anatômicos: lateral esquerda (LE), posterior esquerda (PE), póstero-septal esquerda (PSE), póstero-septal direita (PSD), médio-septal direita (MSD), ântero-septal direita (ASD), lateral direita (LD) e posterior direita (PD). As bases teóricas encontraram respaldo em diversos estudiosos como Hsu et. al., Birati et al., Porter et.al. e Peters et al., a fim de que a hipótese de correlação referenciada pudesse se confirmar. Nessa intenção, após as análises dos dados, os resultados obtidos foram: dos 942 pacientes, 52,6% eram do gênero masculino. A idade média foi de 31,2 ± 13,8 anos. Quanto ao gênero, houve predomínio das VA entre os homens. Porém, só ocorreu diferença, estatisticamente significante, nas regiões PSE (p = 0,029) e LD (p = 0,003). No tocante à forma de apresentação das VA, prevaleceu o padrão manifesto sobre o oculto em seis das oito regiões estudadas, à exceção das regiões LE e PSE. A partir desses resultados, conclui-se que houve predomínio das VA no gênero masculino e do padrão manifesto sobre o oculto na maioria das regiões estudadas, o que confirmou o pressuposto mediante o objetivo traçado nesta investigação.
Descrição
Citação