Núcleo paratrigeminal humano: uma análise comparativa, morfológica e neuroanatômica

dc.contributor.advisorSmith, Ricardo Luiz [UNIFESP]
dc.contributor.authorSilva, Raquel Rangel Ferraz da [UNIFESP]
dc.date.accessioned2015-12-06T23:44:41Z
dc.date.available2015-12-06T23:44:41Z
dc.date.issued2006
dc.description.abstractAntes conhecido como um dos cinco componentes do sistema intersticial do trato trigeminal espinhal (sp5), no bulbo dorsolateral, o núcleo paratrigeminal (Pa5) apresenta-se como única estrutura que se extende inserida nas fibras do sp5. No bulbo de ratos, o Pa5 é conhecido por participar de processos somatossensoriais; sendo naturalmente importante conhecer a morfologia deste núcleo em humanos afim de poder compará-la com a morfologia do Pa5 em ratos e inferir funções em ambas as espécies. Análise neuroquímica do Pa5 humano sugere semelhança à do Pa5 de ratos pela possível presença de receptores de substância P. Experimentos em animais mostraram que o Pa5 possui conexões com estruturas bulbares como os núcleos NTS, RVL, LRt e Amb, associadas à termorregulação e processos cardiorespiratórios. Resultados com traçadores neuronais lipofílicos no Pa5 humano parecem reproduzir em grande parte estes achados no Pa5 de ratos. Análise em microscopia de luz revela a morfologia difusa e pálida da neurópila encontrada no núcleo de ambas as espécies. Cortes transversais do Pa5 desenhados em câmera lúcida apresentam um aspecto distinto de hemicilindro côncavo, formado pelas porções dorsal, ventral e medial do núcleo. Análises ultraestruturais mostraram heterogeneidade sináptica composta por vesículas eletrondensas e eletronlúcidas. Portanto, a proposta do entendimento morfológico do Pa5 humano em comparação com o Pa5 de ratos é plausível para determinar a relação destas funções em humanos. O núcleo em humanos, é caracterizado como uma estrutura difusa e ramificada possuindo em média 7000:t120!-lm de comprimento, contendo aproximadamente 1400:t154 neurônios multipolares de tamanhos pequeno a médio (120-180 !-1m2). Os somas neuronais estão distribuídos ao longo do eixo caudal-rostral mas agrupados em 2 grandes e 3 pequenas curvas de distribuição interespaçados por neurópila. Os resultados mostram similaridades entre o Pa5 humano e de ratos e sugerem alta conservação associada aos controles fisiológicos e funções homeostáticas.pt
dc.description.sourceBV UNIFESP: Teses e dissertações
dc.format.extent186 p.
dc.identifier.citationSão Paulo: [s.n.], 2006. 186 p.
dc.identifier.fileepm-20070228115018GARCIA.pdf
dc.identifier.urihttp://repositorio.unifesp.br/handle/11600/21459
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.rightsAcesso restrito
dc.subjectNúcleos do Trigêmeopt
dc.subjectMorfologiapt
dc.subjectNeurôniospt
dc.titleNúcleo paratrigeminal humano: uma análise comparativa, morfológica e neuroanatômicapt
dc.title.alternativeThe human paratrigeminal nucleusen
dc.typeTese de doutorado
unifesp.campusSão Paulo, Escola Paulista de Medicina (EPM)pt
Arquivos
Coleções