Ensino do adjetivo : das gramáticas a sala de aula dos anos iniciais

dc.contributor.advisorLopes, Marcia Cristina Romero [UNIFESP]
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/1851257666639782pt_BR
dc.contributor.authorRêgo, Wilton César Lopes [UNIFESP]
dc.coverage.spatialGuarulhospt_BR
dc.date.accessioned2019-02-22T20:38:45Z
dc.date.available2019-02-22T20:38:45Z
dc.date.issued2018-10-20
dc.description.resumo"A presente pesquisa integra uma das principais discussões sobre o ensino aprendizagem de língua portuguesa evidenciada pelos Parâmetros Curriculares Nacionais de Língua Portuguesa – Ensino Fundamental (PCNLP) no que se refere à prática de análise linguística, independente do ciclo a que tais documentos são direcionados. Ao sustentarem a necessidade de, nos primeiros ciclos, as situações didáticas voltarem-se para a atividade epilinguística, ou seja, para a reflexão sobre a língua em situações de produção e interpretação, os PCNLP reafirmam o posicionamento contra metodologias de ensino aprendizagem pautadas em categorizações gramaticais preestabelecidas, desvinculadas das práticas de produção e compreensão escritas e orais. Este estudo procura munir o pedagogo, futuro alfabetizador, de conhecimentos oriundos do campo da Linguística com vistas a, em primeiro lugar, dotá-lo de saberes e competências que lhe permitam ter um olhar diferenciado para os fenômenos de linguagem relacionados às hipóteses da criança em sua aprendizagem da língua; em segundo lugar, estimular atitudes reflexivas nas interações em sala de aula, no planejamento da aula, na elaboração de atividades etc. envolvendo tal aprendizagem. O objeto de análise é a classe do adjetivo - escolhida por ser uma das classes centrais trabalhadas nos anos iniciais - em gramáticas de diferentes vertentes, e isso pelo fato dessas gramáticas serem importantes materiais de formação do professor. Focalizam-se nesta pesquisa três obras gramaticais, CUNHA e CINTRA (200), BAGNO (2011) e NEVES (2000), bem como o tratamento conferido à referida classe, observando em que medida essas gramáticas se distanciam ou não da chamada doutrina gramatical tradicional. Para isso, analisa-se a maneira pela qual essas obras, segundo o referencial teórico no qual se inscrevem, dão conta de apresentar, para a classe selecionada, definições e descrições de funcionamento mais condizentes com o que se observa no uso da língua, estimulando, assim, no professor, a elaboração de propostas didáticas diferenciadas."pt_BR
dc.format.extent37 f.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorio.unifesp.br/handle/11600/49777
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulopt_BR
dc.rightsAcesso abertopt_BR
dc.subjectGramáticapt_BR
dc.subjectAdjetivopt_BR
dc.subjectEpiliguagempt_BR
dc.titleEnsino do adjetivo : das gramáticas a sala de aula dos anos iniciaispt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de curso de graduaçãopt_BR
unifesp.campusEscola de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (EFLCH)pt_BR
unifesp.departamentoEducaçãopt_BR
unifesp.graduacaoPedagogiapt_BR
Arquivos
Pacote Original
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
WILTON 2018 MONOGRAFIA.pdf
Tamanho:
181.84 KB
Formato:
Adobe Portable Document Format
Descrição:
Licença do Pacote
Agora exibindo 1 - 1 de 1
Carregando...
Imagem de Miniatura
Nome:
license.txt
Tamanho:
5.33 KB
Formato:
Item-specific license agreed upon to submission
Descrição:
Coleções