Efeito da oxigenação hiperbárica e da n-acetilcisteína na viabilidade de retalhos cutâneos randômicos em ratos

Efeito da oxigenação hiperbárica e da n-acetilcisteína na viabilidade de retalhos cutâneos randômicos em ratos

Alternative title Effects of hyperbaric oxygen and n-acetyilcysteine on survival of random flaps in rats
Author Rocha, Fernando Passos da Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Fagundes, Djalma José Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Ciência Cirúrgica Interdisciplinar – São Paulo
Abstract Objetivo: Investigar os efeitos da oxigenação hiperbárica (OHB) e da Nacetilcisteína (NAC) isoladamente ou em associação sobre a viabilidade de retalhos cutâneos em ratos. Métodos: 32 ratos Wistar machos foram distribuídos randomicamente em GS (sham/n=8), GNAC (N-acetilcisteína/n=8), GOHB (oxigenação hiperbárica/n=8) e GNH (NAC+OHB/n=8). Sob anestesia geral foi dissecado um retalho dorsal de base cranial medindo (2x8cm) conforme modelo preconizado por McFarlane; foi interposta uma lâmina de polietileno entre o retalho e seu leito impedindo a vascularização a partir do mesmo; o retalho foi suturado de novo sobre seu leito. Nos sete dias consecutivos cada animal recebeu: GS solução salina intraperitoneal, o grupo GNAC 300mg de NAC intraperitoneal, o grupo GOHB 2 horas de oxigenação hiperbárica a 2,4 ATA e o grupo GNH recebeu a associação dos tratamentos. No oitavo dia do experimento os animais foram novamente anestesiados e foram coletadas biópsias dos terços proximal, médio, distal e controle para análise imuno-histoquímica bem como fotografias digitais para posterior análise por meio do programa Image-Lab. Os dados obtidos foram estatisticamente analisados pelos testes ANOVA e Bonferroni (p<0,05). Resultados: A média da área de necrose no grupo GS foi de 18,3%, no grupo GNAC 24,3%, no grupo GOHB 12,6% e no grupo GNH 14,9%. A expressão do VEGF na epiderme, derme, tecido submuscular e vasos não demonstrou diferenças significativas nos diferentes grupos de tratamento. A acumulação de células em apoptose foi significativamente menor no terço médio em todos os grupos tratados, mas significativamente menor nos grupos tratados com OHB. Os resultados menos favoráveis foram observados no grupo GS e GNAC. Conclusão: A OHB está associada à menor expressão de apoptose celular e menor área de necrose de pele. A NAC não apresentou efetividade na proteção do retalho randômico quer pela avaliação da apoptose ou da necrose celular. A associação dos dois procedimentos não produziu potencialização dos resultados favoráveis do uso de ambos separadamente. Os achados sugerem que a difusão do oxigênio pelo interstício celular foi o fator determinante dos resultados mais favoráveis da OHB.

Objective: To investigate the effects of hyperbaric oxygen (HBO) and N-acetylcysteine (NAC) alone or in association on the viability of skin flaps in rats. Methods: 32 male Wistar rats were randomized in: GS (sham/n=8), GNAC (Nacetylcysteine/ n=8), GHBO (hyperbaric oxygen/n=8) and GNH (NAC+OHB/n= 8). A skin flap measuring cranial base (2x8cm) was performed (McFarlane) and brought a polyethylene film between the skin flap and its surgical bed prior to closure with interrupted polyamide sutures. For seven days the animals received injections of saline intraperitoneally (GS) and NAC at a dose of 300mg/kg (GNAC). HBO was performed for periods of two hours with 2.4 ATA (GOHB) for seven days and the association of NAC and HBO was carried out in group GNH. On the eighth day the dorsum of the animal was photographed and collected biopsy specimen of skin from the flap at thirds proximal, middle and distal flap. The areas of necrosis were evaluated (photos processed by the Image-Lab), assessment of apoptosis (cleaved caspase 3) and angiogenesis (VEGF). The data obtained were statistically analyzed by ANOVA and Bonferroni (p <0.05). Results: The mean areas of necrosis (mm2) were: GS 18.3%, GNAC 24.3%, GOHB 12.6% and GNH 14.9%. The expression of VEGF in the epidermis, dermis, submuscular tissue and vessels was not significant in the different treatment groups. The presence of cells undergoing apoptosis was significantly lower in the middle third of all treated groups compared to sham group, but significantly lower in the group treated with HBO alone or in combination with NAC. Conclusion: HBO is associated with reduced expression of apoptosis and reduced area of necrosis of skin flap. The NAC is not associated with lower expression of apoptosis and alone had the worst results in this experiment. The association of the two procedures did not produce potentiating of the favorable results of the use of both separately. The findings suggest that the diffusion of oxygen through the interstitial space was the determining factor of more favorable results of HBO.
Keywords Antioxidantes
Caspases
Acetilcisteína
Oxigenação hiperbárica
Radicais livres
Ratos
Retalhos cirúrgicos
Fator A de crescimento do endotélio vascular
Language Portuguese
Date 2010-03-31
Published in ROCHA, Fernando Passos da. Efeito da oxigenação hiperbárica e da n-acetilcisteína na viabilidade de retalhos cutâneos randômicos em ratos. 2010. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2010.
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 168 p.
Access rights Open access Open Access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/9355

Show full item record




File

Name: Publico-154a.pdf
Size: 5.154Mb
Format: PDF
Description:
Open file
Name: Publico-154b.pdf
Size: 6.533Mb
Format: PDF
Description:
Open file
Name: Publico-154c.pdf
Size: 5.402Mb
Format: PDF
Description:
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account