Avaliação do vínculo materno de bebês expostos ao HIV/AIDS em um serviço de atenção especializada: ações de promoção de cuidado no contexto da interrupção da amamentação

Imagem de Miniatura
Data
2023-11-06
Autores
Silva, Fernanda Beatriz Mendes da [UNIFESP]
Orientadores
Zihlmann, Karina Franco [UNIFESP]
Tipo
Trabalho de conclusão de curso de graduação
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Objetivos: realizar um relato sobre a experiência acerca da construção de um projeto de pesquisa articulado a um projeto de extensão, realizado em um serviço de saúde especializado em infecções sexualmente transmissíveis/Aids (IST/Aids) e, além disso, propor elementos para a construção de um protocolo de avaliação do vínculo mãe-bebê e identificação dos impactos da oficina de estímulo ao autocuidado materno e ao vínculo mãe-bebê oferecida a mulheres vivendo com HIV/Aids (MVHA) no projeto de extensão Enlace de Amor. Método: o projeto de pesquisa foi articulado ao projeto de extensão “Enlace de amor” que oferece um trabalho de estímulo ao autocuidado materno e vínculo mãe-bebê por meio de oficinas de massagem para bebês (Shantala), sling e ofurô para bebês. As participantes do projeto de extensão - mulheres vivendo com HIV/Aids puérperas e seus bebês entre zero e 24 meses - também foram convidadas a participar da pesquisa. Os aspectos qualitativos da pesquisa consistiram em um processo de observação ampla da relação mãe-bebê durante as oficinas e entrevistas em profundidade com o uso de um roteiro temático. Quanto aos aspectos quantitativos, foram aplicados inventários de estresse, qualidade do vínculo materno, qualidade de vida e percepção de suporte familiar. Os dados qualitativos foram analisados pela técnica de Análise de Conteúdo temática sob o olhar da perspectiva psicanalítica. Os dados quantitativos serão analisados de forma descritiva e frequencial, sendo que os inventários seguiram a orientação de análise de cada caso. Todos as participantes assinaram um TCLE segundo a Resolução 466/12 do CNS. O projeto foi aprovado pelo CEP-Unifesp sob número CAAE 54249821.9.0000.5505. Resultados: considerando que o projeto de extensão esteve em processo de adaptação e implantação durante os anos 2021 e 2022, devido a Pandemia de Covid1-19 e mudanças estruturais no próprio serviço, houve um atraso significativo quanto à coleta de dados, o que impactou em um número muito reduzido de participantes na pesquisa. Os dados apresentados nesse trabalho se referem aos protocolos aplicados entre abril de 2023 e outubro de 2023. Nesse período foram aplicados quatro protocolos, sendo todos incompletos, em diferentes fases do processo. Por esse motivo, serão apresentadas informações qualitativas e quantitativas de cada um dos casos incluídos no presente trabalho, uma vez que se trata de um “recorte” de um projeto mais amplo em andamento. Considerações finais: De um modo geral houve apreciação positiva quanto a proposta das oficinas do projeto Enlace de Amor, sendo que havia disponibilidade explícita por parte das participantes em reconhecer os benefícios das estratégias apresentadas e o desejo de continuar a realizá-las com os bebês. O estigma que acompanha o diagnóstico do HIV também apareceu quando as participantes relataram que no serviço de saúde não há uma interação entre as pessoas, algo que ocorre de modo fortuito, com comentários em filas ou corredor de espera por consultas. Nesse sentido, a proposta do projeto “Enlace de Amor” foi entendida como uma iniciativa positiva de interação e cuidado, uma vez que possibilita a sensibilização e adesão de estratégias de autocuidado e cuidado aos bebês.
Descrição
Citação
SILVA, Fernanda Beatriz Mendes da. Avaliação do vínculo materno de bebês expostos ao HIV/AIDS em um serviço de atenção especializada: ações de promoção de cuidado no contexto da interrupção da amamentação. 2023. 92 f. Trabalho de conclusão de curso (Graduação em Psicologia) - Universidade Federal de São Paulo, Instituto de Saúde e Sociedade, Santos, 2023.
Coleções