Da RÉ-existência à REsistência: diálogos e tensões entre Ensino Superior, Questão Racial e Serviço Social

Imagem de Miniatura
Data
2023-06-16
Autores
Silva, Brenda Barbosa [UNIFESP]
Orientadores
Batistoni, Maria Rosângela [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Esta pesquisa investiga a origem do ensino superior no Brasil, os processos de resistências de pessoas negras e sua luta no acesso à educação com vistas a sua integração na sociedade de classes e os impactos advindos da ampliação do ensino superior no contexto da contrarreforma universitária e revisita Fundamentos do Serviço Social a partir desse percurso. No primeiro capítulo “As Origens da Educação Superior no Brasil” recuperamos aspectos sócio-históricos que conformam a educação, especialmente a formal e pública no Brasil, caracterizando o caráter étnico-racial de acesso ou não a educação. No segundo capítulo, “Resistências Negras, Educação e ampliação do Ensino Superior” abordamos aspectos sócio- históricos sobre as formas de organização política da população negra, especialmente no que se refere ao acesso à educação e ensino superior, destacando Assistentes Sociais que participaram dessas resistências. No terceiro capítulo, “Questão Social, Questão Racial e Serviço Social recupero aspectos sócio-históricos sobre a gênese e institucionalização do Serviço Social no Brasil, seu fundamento e atuação com a questão social junto a classe trabalhadora e os desafios que se apresentam à profissão a partir da ampliação do acesso de pessoas negras ou pobres ao ensino superior na formação em Serviço Social A pesquisa é de base bibliográfica em fontes secundárias em uma abordagem radicalmente qualitativa, que assume o pesquisador como parte da pesquisa e considera suas vivências na produção de conhecimento, o que nos permite narrar experiências escreviventes em diálogo com a investigação aqui proposta.
This research investigates the origin of higher education in Brazil, the resistance processes of black people and their struggle to access education with a view to their integration into class society and the impacts arising from the expansion of higher education in the context of the university counter-reform and revisits Fundamentals of Social Work from this path. In the first chapter “The Origins of Higher Education in Brazil” we recover sociohistorical aspects that shape education, especially formal and public education in Brazil, characterizing the ethnic-racial character of access or not to education. In the second chapter, “Black Resistance, Education and Higher Education Expansion”, we address socio-historical aspects of the forms of political organization of the black population, especially with regard to access to education and higher education, highlighting Social Workers who participated in these resistances . In the third chapter, “Social Question, Racial Question and Social Work, I recover socio-historical aspects about the genesis and institutionalization of Social Work in Brazil, its foundation and action with the social question with the working class and the challenges that face the profession to from the expansion of access of black or poor people to higher education in training in Social Work The research is bibliographically based on secondary sources in a radically qualitative approach, which assumes the researcher as part of the research and considers his experiences in the production of knowledge, which allows us to narrate writing experiences in dialogue with the investigation proposed here.
Descrição
Citação
SILVA, Brenda Barbosa. Da RÉ-existência à REsistência: diálogos e tensões entre Ensino Superior, Questão Racial e Serviço Social. 2023. 122 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social e Políticas Sociais) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2023.