Tradução e adaptação cultural do questionário de atividades físicas em crianças (CPA-Q) e utilização para avaliação das atividades físicas e sedentárias em crianças e adolescentes antes e durante o isolamento social causado pelo COVID-19.

Imagem de Miniatura
Data
2023-06-09
Autores
Miranda, Fernando Leite [UNIFESP]
Orientadores
Fernandes, Carlos Henrique [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado profissional
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
O objetivo primário do presente estudo foi realizar a tradução e validação cultural do Children Physical Activity Questionnaire (C-PAQ.) para o português do Brasil e utilizá-lo para identificar as variações de intensidade das atividades físicas e sedentárias em crianças e adolescentes, entre o período pré-pandemia e o período de isolamento social de 2020 no Brasil provocado pela pandemia do COVID-19. Os objetivos secundários foram se as variações de intensidade foram influenciadas pelo tipo período de dias da semana ou final de semana, de habitação (vertical ou horizontal), número de habitantes na cidade, idade e esportes praticados. Material e Métodos: Foi realizada a tradução e adaptação cultural do Children Physical Activity Questionnaire (C-PAQ) para o português do Brasil pela metodologia descrita previamente gerando o C-PAQ.PT. Foi aplicado um formulário contendo perguntas sobre a identificação da criança ou adolescente e o C-PAQ.PT. A pesquisa foi feita entre 1º e 15 de junho de 2020. Resultados: Observou-se que as atividades físicas sofreram redução do tempo médio. Durante os dias de semana a média variou de 197,0 min para 153,4 min(p-valor <0,001). Durante os dias de final de semana a média variou de 192,1 min para 149,9 min (p-valor 0,019). Observamos que as atividades sedentárias sofreram aumento do tempo médio. Durante os dias de semana a média variou de 268,1 min para 393,3 min(p-valor <0,001). Durante os dias de final de semana a média variou de 251,8 min para 346,2 min (p-valor<0,001). Não houve diferença estatisticamente significativa entre os moradores de diferentes tipos de habitação. O número de habitantes da cidade não influenciou na intensidade das atividades antes/durante a Pandemia. Quanto à redução na intensidade das atividades, não houve diferença estatisticamente significativa entre as faixas etárias de 6 a 10 anos e 11 a 14 anos de idade. Conclusões: A tradução e adaptação cultural do Children’s Physical Activity Questionnaire (C-PAQ) para o português do Brasil resultou na versão C-PAQ.PT. A utilização do C-PAQ.PT permitiu identificar e mensurar as variações de intensidade e frequência das atividades físicas e sedentárias em crianças e adolescentes, entre o período pré-pandemia do COVID-19 e o período de isolamento social de 2020 no Brasil.
Descrição
Citação
MIRANDA, Fernando Leite. Tradução e adaptação cultural do questionário de atividades físicas em crianças (CPA-Q) e utilização para avaliação das atividades físicas e sedentárias em crianças e adolescentes antes e durante o isolamento social causado pelo COVID-19. 2023. 80 f. Dissertação (Mestrado Profissional em Ciências da Saúde Aplicada ao Esporte e à Atividade Física) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). São Paulo, 2023.