O uso de jogos em sala de aula: uma revisão de escopo

Imagem de Miniatura
Data
2022-03-11
Autores
Anjos, Shirlei Maria dos [UNIFESP]
Orientadores
Panciera, Sara Del Prete [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Os jogos são amplamente conhecidos enquanto estratégias importantes na criação de contextos de ensino-aprendizagem de conteúdos diversos, como por exemplo linguagens, matemática e, ciências. Além disso, tem também a sua importância atrelada ao desenvolvimento infantil em suas diversas dimensões, tais como o desenvolvimento cognitivo, na socialização, ou no aprendizado das emoções. Diante desses benefícios, há numerosos estudos com foco na educação realizados no mundo todo buscando entender como os jogos afetam os estudantes. Este estudo se propõe a analisar a produção científica a respeito do uso de jogos na escolarização de crianças de 6 a 9 anos de idade, no contexto da sala de aula, e tem como objetivos específicos: (I) Identificar os artigos científicos publicados entre os anos de 2010 e 2020 que tratam sobre a utilização de jogos com crianças (de 6 a 9 anos) em sala de aula; (II) Analisar as relações entre a ludicidade e a infância estabelecidas por tais estudos; (III) Investigar as potencialidades e limitações das pesquisas com jogos e (IV) Compreender as perspectivas sobre a efetiva inclusão de jogos na educação. Foi realizada uma revisão de escopo, a partir do protocolo PRISMA-ScR respondendo à pergunta: “Como os estudos têm se debruçado acerca da temática dos jogos na educação de crianças?”. Para a identificação de trabalhos potencialmente relevantes, foram realizadas buscas nas bases: LILACS, PePSIC, PsycArticles, PsycInfo, Scielo e Web of Science, utilizando as palavras-chave: (child* OR primary student OR elementary student) AND (game OR game-based learning OR gamification) AND (classroom OR class OR room). Foram incluídos 41 artigos na revisão, com prevalência de estudos feitos na Europa e América do Norte. A análise dos textos revelou pouca ênfase na perspectiva da criança enquanto sujeito com voz ativa nas pesquisas. Além disso, observa-se o desafio na categorização dos jogos e de como cada tipo particular pode incidir nos processos de escolarização, assim como nota-se a pouca consideração do contexto escolar nas análises realizadas pelos estudos. Espera-se que este estudo possa propiciar uma visão ampla a respeito dos estudos sobre jogos com crianças nos anos iniciais da escolarização.
Games are widely known as important strategies in the creation of teaching-learning contexts for different contents, such as languages, mathematics and science. In addition, its importance is also linked to child development in its various dimensions, such as cognitive development, socialization, or the learning of emotions. Given these benefits, there are numerous studies focused on education carried out around the world seeking to understand how games affect students. This study proposes to analyze the scientific production regarding the use of games in the schooling of children from 6 to 9 years of age, in the context of the classroom, and has as specific objectives: (I) To identify the scientific articles published among the years 2010 and 2020 that deal with the use of games with children (from 6 to 9 years old) in the classroom; (II) Analyze the relationships between playfulness and childhood established by such studies; (III) Investigate the potential and limitations of research with games and (IV) Understand the perspectives on the effective inclusion of games in education. A scope review was carried out, based on the PRISMAScR protocol, answering the question: “How have studies focused on the theme of games in children's education?”. To identify potentially relevant works, searches were carried out in the following databases: LILACS, PePSIC, PsycArticles, PsycInfo, Scielo and Web of Science and, using the keywords: (child* OR primary student OR elementary student) AND (game OR game - based learning OR gamification) AND (classroom OR class OR room). 41 articles were included in the review, with a prevalence of studies carried out in Europe and North America. The analysis of the texts revealed little emphasis on the child's perspective as a subject with an active voice in research. In addition, it is observed the challenge in the categorization of games and how each particular type can affect the schooling processes, as well as the little consideration of the school context in the analyzes carried out by the studies. It is hoped that this study can provide a broad view of studies on games with children in the early years of schooling.
Descrição
Citação
ANJOS, Shirlei Maria dos. O uso de jogos em sala de aula: uma revisão de escopo. 2022. 109 f. Dissertação (Mestrado Interdisciplinar em Ciências da Saúde) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2022.