Análise multimodal dos marcadores interacionais e de linguagem de crianças com transtorno do espectro do autismo em sessões de musicoterapia

Imagem de Miniatura
Data
2023-03-02
Autores
Santos, Carolina Ferreira [UNIFESP]
Orientadores
Tamanaha, Ana Carina [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
O objetivo do estudo foi investigar os marcadores interacionais e de linguagem de crianças com Transtorno do Espectro do Autismo, desencadeados em sessões de musicoterapia. Tratou-se de um estudo transversal. A amostra foi composta por 31 crianças, na faixa entre 2 e 8 anos e com diagnóstico multidisciplinar de Transtorno do Espectro do Autismo (TEA). Para traçarmos o perfil inicial das crianças foi aplicado a escala Perfil de Avaliação Musicoterapia Individualizada – IMTAP; para avaliação dos comportamentos não adaptativos aplicados-se em forma de entrevista, o Autism Behavior Checklist – ABC; e para avaliação das habilidades de linguagem, a ADL 2. Em seguida foram filmadas sessões de musicoterapia e ocorrências como ocorrências de direcionamento de olhar, de atenção compartilhada, de produção linguística e de pulso compartilhado, por meio da ferramenta ELAN. Em média, foram transmitidas 31,5 ocorrências de direcionamento do olhar, 20,1 de atenção compartilhada, 32,5 de produção de palavras e 30,8 de frases e 5 de pulso compartilhado. Houve correlação inversa significativa entre a idade e o direcionamento do olhar. Os índices da IMTAP correlacionaram-se com os marcadores de linguagem, pulso compartilhado e valor total do ABC. Em resumo, a análise multimodal realizada por meio da ferramenta ELAN permitiu o mapeamento das ocorrências de direcionamento do olhar, de atenção compartilhada, da produção linguística e do pulso compartilhado. Portanto, esses achados podem contribuir para o embasamento científico do uso da música em contexto clínico para crianças com TEA.
Objective: To investigate the interactional and language markers of children with Autism Spectrum Disorder, triggered in music therapy sessions. Methods: This was a crosssectional study. The sample consisted of 31 children, aged between 2 and 8 years and with a multidisciplinary diagnosis of Autism Spectrum Disorder (ASD). In order to draw the initial profile of the children, the Individualized Music Therapy Assessment Profile scale – IMTAP was applied; for the assessment of non-adaptive behaviors, the Autism Behavior Checklist – ABC was applied in the form of an interview; and for the assessment of language skills, ADL 2. Then, music therapy sessions were filmed and analyzed occurrences such as gaze directing, joint attention, linguistic production and shared pulse, using the ELAN tool. Results: On average, 31.5 occurrences of gaze directing, 20.1 of joint attention, 32.5 of word production and 30.8 of sentences and 5 of shared pulse were found. There was a significant inverse correlation between age and gaze direction. IMTAP scores correlated with language markers, shared pulse, and total ABC value. Conclusions: The multimodal analysis performed using the ELAN tool allowed the mapping of occurrences of gaze direction, joint attention, linguistic production and shared pulse. Therefore, these findings may contribute to the scientific basis for the use of music in a clinical context for children with ASD.
Descrição
Citação