Desigualdade de gênero no processo admissional sob a perspectiva da economia comportamental

Imagem de Miniatura
Data
2023-01-09
Autores
Belam, Camila Aparecida
Orientadores
Araújo, Veneziano de Castro
Tipo
Trabalho de conclusão de curso de graduação
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Diversos trabalhos apontam as dificuldades enfrentadas pelas mulheres devido a discriminação de gênero para assumirem papéis importantes no mundo empresarial, científico e político. Esses entraves estão associados a comportamentos estereotipados e viesados que permeiam a própria sociedade e muitas vezes levam longos períodos para serem superados. No mundo empresarial, a desigualdade compõe este processo mesmo quando não consciente, dado às mulheres nos processos seletivos. Por isso, buscando promover um mercado de trabalho mais equitativo, é necessário encontrar formas de promover tratamento mais igualitário para as mulheres nos processos seletivos das empresas. No entanto, até o período recente, poucos mecanismos (fora a adoção de cotas de gênero para vagas de trabalho) foram propostos. Neste contexto, a presente monografia busca utilizar elementos da Economia Comportamental para explicar as origens de alguns vieses discriminatórios neste processo e propor formas de nudges para mitigar tais vieses sem ter que necessariamente recorrer à adoção das cotas. A presente proposta poderia servir para complementar essa lei ou para ser utilizada em locais onde não seja oportuna a adoção de tais medidas.
Several works point out the difficulties faced by women due to gender discrimination to assume important roles in the business, scientific, and political worlds. These obstacles are associated with stereotyped and biased behaviors that permeate society itself and often take long periods to be overcome. In the business world, inequality composes this process even when not conscious, given to women in selection processes. Therefore, seeking to promote a more equitable labor market, it is necessary to find ways to promote more equal treatment for women in the selection processes of companies. However, until the recent period, few mechanisms (besides the adoption of gender quotas for job openings) have been proposed. In this context, the present monograph seeks to use elements from Behavioral Economics to explain the origins of some discriminatory biases in this process and to propose nudges to mitigate these biases without necessarily having to resort to the adoption of quotas. This proposal could be used to complement this law or to be used in places where the adoption of such measures is not opportune.
Descrição
Citação
BELAM, Camila Aparecida. Desigualdade de gênero no processo admissional sob a perspectiva da economia comportamental. 2023. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Ciências Econômicas) - Universidade Federal de São Paulo, Escola Paulista de Política, Economia e Negócios, Osasco, 2023.