O cuidado ao agressor familiar persistente na percepção de estudantes de enfermagem

Imagem de Miniatura
Data
2022-09-22
Autores
Brandão, Maykon Brito [UNIFESP]
Orientadores
Fernandes, Hugo [UNIFESP]
Tipo
Trabalho de conclusão de curso de graduação
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Objetivo: analisar a percepção de estudantes de enfermagem sobre o cuidado dispensado ao agressor familiar persistente. Método: estudo descritivo, de abordagem qualitativa. Usou-se da Teoria da Diversidade e Universalidade do Cuidado de Madeleine Leininger como referencial teórico. A coleta foi realizada com 37 concluintes de enfermagem de uma universidade pública da região Sudeste do Brasil. Utilizou-se da técnica do Desenho Projetivo com tema e entrevista semiestruturada. Os dados foram analisados com a análise de conteúdo. Resultados: o exame das narrativas embasou a construção de quatro categorias: “O cuidado do agressor junto à família”, “Reconhecimento dos valores e cultura da família”, “A busca de conhecimento para cuidar do agressor e família”, “O cuidado multidisciplinar e intersetorial para o enfrentamento da violência”. Conclusão: há o reconhecimento de que o cuidado do agressor não deve ser individual apenas, mas envolver todos os afetados. Para isto, o trabalho multidisciplinar mostra-se importante, e a busca de conhecimento sobre o tema é algo essencial para o cuidado culturalmente significativo.
Descrição
Citação
Coleções