Sustentabilidade em uma empresa de perfumaria e cosmética: uma investigação a partir de seus relatórios de sustentabilidade.

Imagem de Miniatura
Data
2022-02-07
Autores
Costa, Amanny Santos [UNIFESP]
Orientadores
Costa, Rosangela Calado da [UNIFESP]
Tipo
Trabalho de conclusão de curso de graduação
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Para se alcançarem formas mais sustentáveis de desenvolvimento, é importante que as indústrias adotem medidas que poupem recursos naturais, utilizem as matérias-primas de forma mais eficiente e desenvolvam embalagens menos impactantes ao meio ambiente, entre outras, o que, além de contribuir para a sustentabilidade ambiental, pode ajudar a conquistar consumidores que possuam preocupações ambientais. É possível, porém, que empresas façam a divulgação de práticas a fim de ampliar o mercado consumidor, mas que não se traduzem em ações reais que contribuam para a sustentabilidade, o que é chamado de lavagem verde (ou, no inglês, greenwashing). Assim, esta pesquisa procurou investigar documentos produzidos por uma empresa da indústria do setor de higiene pessoal, perfumaria e cosméticos que se divulga como sustentável, a fim de avaliar o quanto suas estratégias de marketing estão alinhadas com suas ações voltadas para a sustentabilidade. Concluiu-se que a empresa objeto de estudo desenvolve programas socioambientais consistentes, e que apesar desta ter desacelerado os seus avanços na aplicação de seus projetos sustentáveis, a meta estipulada pela marca é de longo prazo, e pode ser cumprida até o ano de 2050.
In order to achieve more sustainable forms of development, it is important that industries adopt measures that save natural resources, use raw materials more efficiently and develop packaging that has less impact on the environment, among others manners contributing for environmental sustainability, which can help to reach consumers who have environmental concerns. It is possible, however, for companies publicize practices in order to expand the consumer market, but which do not reflect actions able to contribute to sustainability, which is called greenwashing. Thus, this research investigated documents produced by a company industry belonging to the sector of personal hygiene, perfumery and cosmetics that advertises itself as sustainable, in order to assess how much its marketing strategies are aligned with its actions aimed at sustainability. It was concluded that the company object of study develops consistent socio-environmental programs and that, despite the fact that it has slowed down its advances in the application of its sustainable projects, the goal set by the brand is a long-term one, with a deadline for completion by the year 2050.
Descrição
Citação