Estudo comparativo do uso de biomassas (bagaço de cana de açúcar e resíduos de café) para adsorção de cromo e chumbo presentes em meio aquoso

Imagem de Miniatura
Data
2022-02-07
Autores
Claret, Gabriel João da Silva [UNIFESP]
Orientadores
Mercuri, Lucildes Pita [UNIFESP]
Tipo
Trabalho de conclusão de curso de graduação
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
O acesso à água é uma das condições vitais e fundamentais para a sobrevivência do ser humano, e apesar das campanhas e tentativas para evitar o desperdicio, armazenar e diminuir o seu consumo exagerado, cada vez mais a água está se tornando um bem escasso. O ser humano tem afetado de maneira expressiva a qualidade e a quantidade da água, e cada vez mais a contaminação ambiental por metais pesados tem se tornado tema de debates e pesquisas que buscam o seu controle e/ou descontaminação, uma vez que essa contaminação pode prejudicar a saúde, o desenvolvimento dos seres vivos e o equilíbrio dos ecossistemas. Os tratamentos convencionais dos efluentes contaminados com metais pesados geralmente envolvem processos físico-químicos, que além de serem caros, podem gerar novos resíduos muitas vezes perigosos ao ambiente. Diante uma política ambiental mais severa, a busca por novos métodos de remoção de metais pesados ganhou grande importância, dentre as novas tecnologias, a adsorção com a utilização de biomassas tem sido apontada como uma alternativa relevante na remoção desses poluentes por apresentar um método mais simples, que possui uma viabilidade econômica, além de apresentar uma boa eficiência na remoção dos metais. Diante disto, este trabalho tem como objetivo principal realizar um levantamento bibliográfico, que aborda comparativamente, a aplicação de biomassas, tais como: bagaço de cana-de-açúcar e resíduos de café, como adsorventes para a remoção dos íons cromo (Cr3+) e chumbo (Pb2+) presentes em meio aquoso.
Access to water is one of the vital and fundamental conditions for human survival, and despite campaigns and attempts to avoid waste, store and reduce its exaggerated consumption, water is increasingly becoming a scarce commodity. Human beings have significantly affected the quality and quantity of water, and environmental contamination by heavy metals has increasingly become the subject of debates and research that seek its control and/or decontamination, since this contamination can harm health, the development of living beings and the balance of ecosystems. Conventional treatments of effluents contaminated with heavy metals generally involve physical-chemical processes, which in addition to being expensive, can generate new residues that are often dangerous to the environment. Faced with a more severe environmental policy, the search for new methods of removing heavy metals has gained great importance, among the new technologies, adsorption with the use of biomass has been identified as a relevant alternative in the removal of these pollutants because it presents a simpler method. , which has an economic viability, in addition to presenting a good efficiency in the removal of metals. In view of this, the main objective of this work is to carry out a bibliographic survey, which comparatively approaches the application of biomass, such as: sugarcane bagasse and coffee residues, as adsorbents for the removal of chromium ions (Cr3+) and lead (Pb2+) present in aqueous media.
Descrição
Citação
Claret, Gabriel João da Silva [UNIFESP]