Show simple item record

dc.contributor.advisorChoueri, Rodrigo Brasil [UNIFESP]
dc.contributor.authorKureki, Rafael Keiji [UNIFESP]
dc.date.accessioned2021-10-18T16:41:22Z
dc.date.available2021-10-18T16:41:22Z
dc.date.issued2021-08-31
dc.identifier.citationKUREKI, Rafael Keiji. Efeitos de sedimentos contaminados por metais em cenários futuros de acidificação e aquecimento do meio marinho sobre a produção de prole da espécie nitokra sp. 2021. 53 f. Dissertação (Mestrado em Bioprodutos e Bioprocessos) - Instituto do Mar, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2021.pt
dc.identifier.otherProcesso SEI 23089.022566/2021-06
dc.identifier.urihttps://repositorio.unifesp.br/xmlui/handle/11600/62084
dc.description.abstractModificações na temperatura e no pH de águas marinhas e oceânicas foram identifi- cadas e tem movimentado esforços para compreender seus efeitos nos organismos. A biota marinha enfrenta ainda a contaminação química. O objetivo do presente es- tudo foi avaliar o efeito de diferentes níveis de contaminação de metais (Cu, Pb, Zn e Hg) no sedimento sob cenários de aquecimento e acidificação marinha na produção de prole do copépodo Nitokra sp.. Foram realizados ensaios com desenhos experi- mentais bifatorial (pH e contaminação) e trifatorial (temp., pH e contaminação). O en- saio bifatorial mostrou que o pH baixo isoladamente, independente da contaminação, assim como nível de contaminação mais alto testado (C2), para qualquer pH, provo- caram a redução na produção na prole de Nitokra sp.. No ensaio trifatorial, a tempe- ratura de 27°C aumentou a produção de prole em todos os tratamentos. A interação da temperatura a 27°C e o pH moderado reduziu a produção de prole nos sedimentos sem contaminação e no nível de contaminação intermediário (C1). Ambientes acidifi- cados podem atrasar a eclosão de ovos, interferindo na produção da prole de copé- podos. Já a temperatura influencia diretamente no aumento da produção de prole. Os metais em sedimentos podem potencializar sua toxicidade sobre os organismos em cenários de acidificação. Portanto, os metais quando combinados aumentam a toxici- dade e o ambiente acidificado reduz a prole da espécie Nitokra sp. O presente estudo mostrou que a combinação dos fatores pH, temperatura e contaminação exerce efeito sob a produção de prole do organismo e subsidia a discussão sobre a necessidade de atualização dos guias de qualidade de sedimentos.pt_BR
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP)pt_BR
dc.format.extent53 f.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulopt_BR
dc.rightsAcesso abertopt_BR
dc.subjectMudanças Globaispt_BR
dc.subjectContaminaçãopt_BR
dc.subjectPoluiçãopt_BR
dc.subjectCopépodospt_BR
dc.subjectEstressores múltiplospt_BR
dc.titleEfeitos de sedimentos contaminados por metais em cenários futuros de acidificação e aquecimento do meio marinho sobre a produção de prole da espécie nitokra sp.pt_BR
dc.typeDissertação de mestradopt_BR
dc.contributor.institutionUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
dc.description.sponsorshipIDFAPESP: 2017/07351-4pt_BR
unifesp.campusInstituto de Saúde e Sociedade (ISS)pt_BR
unifesp.graduateProgramBioprodutos e Bioprocessospt_BR
unifesp.researchAreaBioensaios e ecotoxicologiapt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/3929193522239328pt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/0408418557980214pt_BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record