Show simple item record

dc.contributor.advisorGonçalves, Solange Ledi [UNIFESP]
dc.contributor.authorCarneiro, Fernanda Silva [UNIFESP]
dc.coverage.spatialOsascopt_BR
dc.date.accessioned2021-08-31T12:38:59Z
dc.date.available2021-08-31T12:38:59Z
dc.date.issued12-08-21
dc.identifier.urihttps://repositorio.unifesp.br/handle/11600/61761
dc.description.abstractEste trabalho visa analisar se no período de 2012 a 2018 ocorreu um aumento da pobreza entre as mulheres no Brasil. Foram mensurados, por meio do software STATA, os indicadores desenvolvidos por Foster, Greer e Thorbecke (1984), com microdados da PNAD Contínua (PNAD/IBGE), considerando apenas a primeira entrevista para os indivíduos chefes pelo domicílio e aplicando como linha de pobreza o valor absoluto da renda domiciliar per capita que é o critério de elegibilidade do Programa Bolsa Família (PBF). Além do gênero, também foram analisadas outras características dos responsáveis como cor ou raça, nível de instrução, idade, situação de ocupação, região e composição familiar. Os resultados obtidos sugerem que ao avaliar somente o sexo do chefe do domicilio não ocorreu o processo de feminização da pobreza (absoluta ou relativa), todavia para todas as análises realizadas se constatou que a pobreza é mais incidente, intensa e severa para as chefes do sexo feminino.pt_BR
dc.description.abstractThis work aims to analyze whether in the period from 2012 to 2018 there was an increase in poverty among women in Brazil. The indicators developed by Foster, Greer and Thorbecke (1984) were measured using the STATA software, with microdata from the PNAD Continuous (PNAD/IBGE), considering only the first interview for individuals heads by household and applying it as a poverty line the absolute value of the household income per capita, which is the eligibility criterion of the Bolsa Família Program (PBF). In addition to gender, other characteristics of those responsible were also analyzed, such as color or race, education level, age, occupation, region and family composition. The results obtained suggest that when evaluating only the sex of the head of the household, the process of feminization of poverty (absolute or relative) did not occur, however, for all analyzes performed, it was found that poverty is more incident, intense and severe for the heads of women.pt_BR
dc.description.sponsorshipNão recebi financiamentopt_BR
dc.format.extent64 f.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulopt_BR
dc.rightsAcesso abertopt_BR
dc.subjectFeminização da Pobrezapt_BR
dc.subjectDesigualdade de Gêneropt_BR
dc.subjectIndicadores FGT de Pobrezapt_BR
dc.subjectPobreza no Brasilpt_BR
dc.titlePobreza feminina no Brasil: uma aplicação das medidas de fgt para o período entre 2012 e 2018pt_BR
dc.typeTrabalho de conclusão de curso de graduaçãopt_BR
unifesp.campusEscola Paulista de Política, Economia e Negócios (EPPEN)pt_BR
dc.contributor.authorLatteshttp://lattes.cnpq.br/4164916089521037pt_BR
dc.contributor.advisorLatteshttp://lattes.cnpq.br/1110771571585328pt_BR
unifesp.graduacaoCiências Econômicaspt_BR


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record