Avaliação dos impactos do aumento da população flutuante no município de Bertioga no período da pandemia de COVID-19

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2021-08-02
Autores
Bernal, Nury [UNIFESP]
Orientadores
Torres, Ronaldo José [UNIFESP]
Tipo
Trabalho de conclusão de curso de graduação
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
O presente trabalho analisou as consequências do aumento da população flutuante no município de Bertioga durante a pandemia de COVID-19 no ano de 2020 e a relação desse crescimento com o impacto ocasionado na infraestrutura sócio ambiental do município e na qualidade de vida da população. A variável selecionada foi o consumo de água dos moradores da área Sul da cidade nesse período, região com alta densidade demográfica e muito frequentada pelos turistas. Como não há informações sobre o processo migratório, que pode ser considerado “pendular”, dado que o período de permanência no lugar de destino geralmente é incerto pela situação da pandemia, a metodologia usada para estimar o volume dos moradores com domicílio de uso ocasional teve que lançar mão de variáveis sintomáticas. A correlação dos dados censitários e do levantamento do consumo de água, obtido através do Conselho Comunitário de Defesa do Meio Ambiente de Bertioga, mostrou aumento na população flutuante, fator preponderante no mapeamento de áreas de possíveis riscos e vulnerabilidade, principalmente relacionados ao saneamento básico. O enfrentamento à pandemia trouxe o distanciamento social e com ele o aspecto mais afetado para dirimir a transmissão do coronavírus foi o convívio social. Trabalhadores tiveram suas atividades ajustadas, a tecnologia deu autonomia laboral e possivelmente o trabalho remoto, ocupação sem local específico, tenha relação com o aumento da população de Bertioga, cidade litorânea de bela paisagem que conquistou as pessoas na busca por qualidade de vida.
Descrição
Citação
BERNAL, Nury. Avaliação dos impactos do aumento da população flutuante no município de Bertioga no período da pandemia de COVID-19. 2021. 49 f. Trabalho de conclusão de curso (Graduação em Engenharia Ambiental) - Instituto do Mar, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2021.