Gênero em Trajetórias: dinâmicas e territorialidades na diáspora haitiana

Imagem de Miniatura
Data
2021-04-05
Autores
Carvalho, Carolina Carreiro Alencar
Orientadores
Albuquerque, José Lindomar Coelho
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Esta dissertação teve como objetivo geral compreender a experiência migratória de algumas/alguns migrantes haitianos que chegaram ao Brasil a partir do ano de 2014, buscando verificar como elas/eles criaram suas trajetórias em múltiplos processos de diferenciação de gênero. Para tanto, foi relevante uma perspectiva de análise que buscasse articular as dimensões individuais e coletivas no processo de deslocamento e inserção desses sujeitos migrantes em suas múltiplas relações sociais. Essa perspectiva nos permitiu elucidar as tensões subjacentes aos processos de diferenciação, que revelam tanto a diminuição quanto a afirmação das desigualdades de gênero nestes percursos migratórios. Em busca de entender que mudanças, permanências e reforçamentos ocorrem nas relações de gênero dessas/desses migrantes haitianos em São Paulo, o procedimento fundamental da pesquisa empírica aqui utilizado foi a entrevista baseada nos relatos de vida dos interlocutores, interpretadas por meio da perspectiva analítica das trajetórias migratórias.
Descrição
Citação
Alencar, Carolina. Gênero em trajetórias: dinâmicas e territorialidades na diáspora.