Now showing items 1-1 of 1

    • Por que as ocupações "femininas" têm menores salários? Um estudo longitudinal 

      Silva, Yasmin Geronimo [UNIFESP] (Universidade Federal de São Paulo, 2022-01-26)
      Nas últimas décadas, a taxa de participação feminina na força de trabalho cresceu de maneira significativa no Brasil, passando de 27% em 1980 (MADALOZZO, 2010) para 54,5% em 2019 (IBGE, 2021). Apesar disso, a segregação ...