PPG - Ciências Sociais

URI Permanente para esta coleção

Navegar

Submissões Recentes

Agora exibindo 1 - 5 de 223
  • Item
    Acesso aberto (Open Access)
    A vontade de Deus: os evangélicos e as eleições
    (Universidade Federal de São Paulo, 0024-01-26) Gomes, Vinícius Felipe; Sales, Lilian Maria Pinto; http://lattes.cnpq.br/5411386708547076; http://lattes.cnpq.br/8156886422981639
    O presente trabalho tem como objetivo principal analisar a convergência entre evangélicos, nova direita e o Bolsonarismo durante as eleições presidenciais de 2022. A hipótese é que esses elementos promovem uma aproximação não apenas no âmbito das grandes denominações, mas sobretudo em comunidades evangélicas independentes, ou seja, que estão fora dessas grandes redes. Pretendemos, analisar por meio do dinamismo das relações que podem ou não estar relacionados aos valores explorados pela campanha, mas que são fundamentais para o processo de aproximação do fenômeno político e esse grupo religioso. O foco de análise se deu em sete igrejas espalhadas pela região metropolitana de São Paulo. A pesquisa analisa aproximações e distanciamentos em relação a valores e a moralidade, observando temáticas relacionadas a família, homossexualidade, violência doméstica e espaço público que são replicadas nessas comunidades. Nossa metodologia compreende a descrição das situações, atores, publicações digitais e sobretudo a análise das ações envolvidas nas descrições.
  • Item
    Acesso aberto (Open Access)
    A cena techno paulistana e seus multiversos relacionais
    (Universidade Federal de São Paulo, 2023-12-18) Fernandes, Lais Silvestre; Pereira, Alexandre Barbosa; http://lattes.cnpq.br/9605611752948124; http://lattes.cnpq.br/5133926983380880
    A presente dissertação tem por objetivo mapear as relações que constituem a cena techno underground de São Paulo. Partindo do contexto histórico de florescimento da cena tanto na cidade quanto no mundo, caminhando principalmente através da acustemologia e antropologia urbana. O trabalho se vale da etnografia da cena assim como de entrevistas, vivências, memórias, fotografias e vídeos procurando aproximar o leitor do campo ao passo que caminha pelos coletivos que compõem essa cena. Explicitando desta forma as questões específicas que surgem dessa vivência, os entraves da cena com o espaço e poder público bem como as lutas, representações e acolhimentos que são experienciados nas festas. Para além desse panorama geral, também é investigado o impacto da pandemia covid-19 e as estratégias de recuperação deste período.
  • Item
    Acesso aberto (Open Access)
    O Estado Novo (1937-1945) como o advento da "verdadeira democracia" no Brasil: uma análise do conceito de democracia autoritária em Oliveira Vianna, Azevedo Amaral e Francisco Campos
    (Universidade Federal de São Paulo, 2024) Serpa, Vinicius Chiovatto [UNIFESP]; Fernandes, Maria Fernanda Lombardi; Ambrosini, Diego Rafael; http://lattes.cnpq.br/0387361204340023; http://lattes.cnpq.br/4507343254856723; http://lattes.cnpq.br/8579052345959681
    Esta dissertação busca compreender qual foi o discurso mobilizado por atores políticos dos anos 1930 para realizar a defesa do Estado Novo (1937-1945) como a efetivação da “verdadeira democracia” no Brasil. A pergunta que guia a pesquisa é: “Qual é o significado do termo democracia autoritária tal como foi defendido por Oliveira Vianna, Azevedo Amaral e Francisco Campos logo após o advento do Estado Novo no Brasil?”. Democracia autoritária é o termo utilizado por Oliveira Vianna, Azevedo Amaral e Francisco Campos para definir um regime autoritário e democrático. A abordagem escolhida para lidar com o conceito de democracia se baseia nos “conceitos políticos essencialmente contestados”. Deste modo, em vez de se afirmar o que é a democracia e confrontar com os argumentos analisados, investiga-se os usos feitos, a fim de observar as disputas políticas existentes nos conceitos empregados. Oliveira Vianna, Azevedo Amaral e Francisco Campos pertencem ao campo do pensamento político autoritário brasileiro dos anos 1930, sendo assim, utiliza-se a abordagem da polissemia dos conceitos para compreender o significado de autoritarismo no período pesquisado. Posto isto, o primeiro capítulo traz o contexto histórico e político da primeira metade do século XX, com ênfase no tema da crise do liberalismo e da ascensão dos regimes autoritários e fascistas. No segundo e no terceiro capítulos, discorre-se, respectivamente, sobre as críticas feitas por Oliveira Vianna, Azevedo Amaral e Francisco Campos ao liberalismo e à experiência política do Brasil sob este ideário e sobre o significado de democracia autoritária. Em linhas gerais, estes autores se empenharam em retirar da democracia o que entendiam serem “técnicas liberais” – separação de poderes; eleições periódicas; sufrágio universal; partidos políticos; federalismo –, enquanto o autoritarismo diz respeito ao reforço da autoridade do Estado. Logo, democracia autoritária abrange o desejo por um Estado forte e centralizado, guiado por um líder que represente os anseios do povo. Vargas encarnou este líder carismático, ao mesmo tempo em que o Estado Novo desempenhou o Estado forte e centralizado. Este significado de democracia – a democracia autoritária – teve protagonismo em um momento da história do país. A fim de encontrar desdobramentos no tema, nas considerações finais são arriscadas novas hipóteses, sobretudo se este significado de democracia é uma ideia “morta” ou se ainda conserva algum sentido para a política nacional.
  • Item
    Acesso aberto (Open Access)
    Entre decomposição e recomposição: a construção da noção de indivíduo em “Morangos Mofados" de Caio Fernando Abreu
    (Universidade Federal de São Paulo, 2024-04-23) Soranz, Giulia Gabriela Brolo; Soranz, Giulia; Rovai, Mauro Luiz [UNIFESP]; http://lattes.cnpq.br/0720071392894567; http://lattes.cnpq.br/9058828842648811
    Esta pesquisa pretende discutir como está construída a noção de indivíduo no livro de contos do escritor brasileiro Caio Fernando Abreu (1948-1996), “Morangos mofados" (1982). O método privilegiado da investigação será o da análise do conteúdo da obra, destacando a noção de “estruturas de sentimento” (Williams, 1979) identificadas nos contos, de modo a compreender como o cotidiano, a temporalidade e o mundo fragmentado podem, à luz de uma bibliografia orientada pelas ciências sociais, permitir-nos identificar quais imagens de sociedade e indivíduo são trazidas à tona nos contos, assim estabelecendo possíveis diálogos entre a literatura e as ciências sociais.
  • Item
    Acesso aberto (Open Access)
    Encruzilhadas da liberdade assistida: trajetórias de vida de jovens em São Paulo
    (Universidade Federal de São Paulo, 2024-06-03) Reis, Marcus Vinicius Pires dos; Paula, Liana de; http://lattes.cnpq.br/0888539502981802; http://lattes.cnpq.br/4776964952036330
    O presente trabalho procura contribuir para que se possa pensar criticamente a respeito do sistema socioeducativo. Para tanto, tomo como objeto de pesquisa as trajetórias de vida de jovens que passaram pela medida de Liberdade Assistida (LA) durante suas adolescências. Analisando essas trajetórias, busco investigar como essa medida socioeducativa compôs um segmento do curso de vida de dois dos interlocutores desta pesquisa. A partir dessa investigação, procuro traçar problematizações sobre como se engendram e o que podem significar casos considerados bem-sucedidos de LA.