Comparação entre as curvas de crescimento do Centers for Disease Control and Prevention e da Organização Mundial da Saúde para lactentes com idade de seis a 12 meses

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2010-12-01
Autores
Pires, Bianca Sant'Anna [UNIFESP]
Akutsu, Rita de Cássia [UNIFESP]
Castro, Lucíola Sant'Anna de [UNIFESP]
Asakura, Leiko
Sachs, Anita [UNIFESP]
Abrão, Ana Cristina Freitas de Vilhena [UNIFESP]
Coca, Kelly Pereira [UNIFESP]
Orientadores
Tipo
Artigo
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
OBJECTIVE: Compare the nutritional status of male and female infants classified according to the growth curve proposed by the Center for Disease Control and Prevention (CDC-2000) and the new growth curve proposed by the World Health Organization (WHO-2006). METHODS: This longitudinal study enrolled children of 6-12 months old of both genders. They were born at term and exclusively or predominantly breastfed. A single researcher collected demographic, anthropometric and nutritional data. The Wilcoxon test was used to compare curves and the Friedman test was used to analyze the variance. RESULTS: Among the 55 followed children, 51% (n=28) were males. The percentages of normal weight-for-age and proper height-for-age in both genders were above 80%. The nutritional status classification according to both growth curves was similar. Agreement between the two curves regarding weight and height was 98.2 and 96.4%, respectively. CONCLUSIONS: CDC-2000 and WHO-2006 growth curves were similar regarding nutritional status classification of 6-12 months old breastfeed infants.
OBJETIVO: Comparar o estado nutricional de lactentes de ambos os sexos de acordo com a curva proposta pelo Centers for Disease Control and Prevention (CDC-2000) e com a nova curva de crescimento proposta pela Organização Mundial da Saúde (OMS-2006). MÉTODOS: Estudo longitudinal no qual foram acompanhadas crianças de ambos os sexos, nascidas a termo, com idade entre seis meses e um ano, em aleitamento materno predominante ou exclusivo. Os dados foram coletados por um único pesquisador por meio de ficha de atendimento nutricional composta por dados demográficos, antropométricos e sobre a alimentação da criança. Foram realizados testes de Wilcoxon e Friedman para comparar cada medida das curvas e analisar a variância, respectivamente. RESULTADOS: Da amostra final de 55 crianças, 51% (n=28) eram do sexo masculino. Os percentuais de eutrofia dos índices de peso por idade e de estatura adequada para idade de ambos os sexos apresentaram-se acima de 80%. Não houve diferença significante na classificação do estado nutricional, segundo as curvas utilizadas. A porcentagem de concordância das duas curvas em relação ao peso e à estatura foi de 98,2 e 96,4%, respectivamente. CONCLUSÕES: As curvas de crescimento da OMS-2006 e do CDC-2000 foram similares para classificar o estado nutricional de lactentes entre 6-12 meses em aleitamento materno.
Descrição
Citação
Revista Paulista de Pediatria. Sociedade de Pediatria de São Paulo, v. 28, n. 4, p. 314-319, 2010.
Coleções