Estudo da fração de austenita retida em aço aplicado como arame de soldagem.

Estudo da fração de austenita retida em aço aplicado como arame de soldagem.

Alternative title Study of the fraction of retained austenite in steel applied as welding wire.
Author Faria, Vitor Siqueira de Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Oliveira, Aline Capella de Autor UNIFESP Google Scholar
Graduate program Não se aplica
Abstract Aços de baixo carbono são de uso amplamente difundido em diversos setores industriais, especialmente por sua versatilidade e baixo custo de produção. Uma de suas aplicações é como consumível de soldagem a arco por proteção gasosa, particularmente no processo de solda MIG/MAG, sendo conhecido como metal de adição. Na produção deste arame consumível, o aço é conformado mecanicamente por laminação, seguido de trefilação para redução de sua área de seção transversal. Este aço possui manganês e silício como elementos de liga, o primeiro sendo um estabilizador da fase austenita à temperatura ambiente. Na etapa de resfriamento deste aço, ainda em sua produção, esta fase é retida em sua microestrutura, possuindo um alto potencial de prejudicar as propriedades mecânicas deste aço, uma vez que com os esforços mecânicos envolvidos na laminação e trefilação esta austenita pode se transformar em fases mais frágeis, como a martensita, acarretando em falhas no material. Por isso, os objetivos principais deste trabalho são de identificar a presença desta fase prejudicial antes que o aço seja submetido a esforços mecânicos que possam comprometer sua performance e produto final, propondo assim uma técnica de caracterização que seja rápida, de baixo custo e que possua uma boa precisão. A metalografia com ataque químico pelo reagente LePera foi a técnica principal de caracterização escolhida para se avaliar a fração volumétrica de austenita retida e do componente martensita-austenita devido principalmente à sua facilidade e baixo custo para realização industrial e, para comparação dos resultados obtidos por esta técnica, realizou-se a difratometria de raios-X e microscopia eletrônica de varredura. Estas técnicas se provaram extremamente concordantes entre si com relação aos seus resultados, podendo se avaliar uma fração volumétrica mínima de austenita retida e do componente martensita-austenita de até 3% no material.

Low carbon steels are widely used in many industrial segments, especially due to its versatility and low cost of production. One of its applications is the use in gas metal arc welding, particularly in metal inert gas and metal active gas (MIG/MAG) welding, being known as a metal consumable. For such purpose, the low carbon steels are mechanically processed by conformation, in processes such as steel rolling followed by wire drawing for reduction in its cross-sectional area. This steel contains manganese and silicon and the first is an austenite stabilizer in low temperatures. In the cooling stage of this steel, due to the presence of the chemical elements that stabilizes the austenite, this phase is retained in the microstructure and it holds the potential to be extremely detrimental to the mechanical properties of this steel, since the austenite can transform, by mechanical stress involved in the steel rolling and wire drawing processes, into martensite, known as an extremely brittle phase. Taking these pieces of information into consideration, it is highly important to characterize this material before submitting it to these conformation processes. Thus, the main objectives of this thesis are to identify and propose the best characterization technique that is quick to run and has a low cost of reproduction. Metallography using LePera reagent was chosen as the main technique to evaluate the retained austenite and martensite, since this technique is easy to perform and has a low cost of industrial implementation. X-ray diffractometry and scanning electron microscopy were the chosen techniques to compare the volume fraction results obtained by metallography and these proved to be extremely in agreement with each other in relation to their results, being able to evaluate a minimum volumetric fraction of retained austenite and martensite-austenite component up to 3% in the material.
Keywords Aço
Austenita Retida
Caracterização Microestrutural
Consumível de Soldagem
Language Portuguese
Sponsor Não recebi financiamento
Date 2021-02-19
Knowledge area Outra
Publisher Universidade Federal de São Paulo
Extent 84 f.
Access rights Closed access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/60495

Show full item record




File

Name: TCC II - Vitor Faria (Final).pdf
Size: 3.538Mb
Format: PDF
Description: Trabalho de conclusão de curso de graduação
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account