O tamanho do válculo ureteral é realmente importante para predizer a severidade da obstrução ureteral em pacientes com ureterolitíase?

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2005-09-13
Autores
Rosas, George [UNIFESP]
Orientadores
Szejnfeld, Jacob [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Objetivo: -correlacionar o tamanho dos cálculos ureterais com o grau de dilatação do ureter - estabelecer se há relação entre o nível da obstrução e o grau de dilatação ureteral Método: 100 pacientes consecutivos com cólica renal aguda foram encaminhados para realização de TC de abdome e selecionados para nosso estudo prospectivo. Foram incluídos apenas pacientes que se submeteram a ureterolitotripsia endoscópica dentro de até 24 horas após a realização da TC. Os exames tomográficos foram avaliados por dois radiologistas especializados em abdome, em consenso que avaliaram: 1) o tamanho do cálculo; 2) a localização do cálculo; 3) a presença de dilatação do sistema coletor e densificação da gordura perirenal. Resultados: Dos 100 pacientes estudados 58 tinham cálculos localizados no terço distal do ureter, 24 na junção uretero-vesical, 10 no ureter médio e 8 no ureter proximal. Dilatação do sistema coletor foi considerada leve em 44 pacientes, moderada em 20 e severa em 6. Em 30 pacientes não havia dilatação. Conclusão: não houve correlação entre o tamanho do cálculo ureteraleo grau de dilatação do sistema coletor. Cálculos localizados no ureter distal são mais propensos a causar dilatação
Descrição
Citação
Tamanho do cálculo associado a dilatação ureteral