Efeito da estimulação transcraniana por corrente contínua associada à fisioterapia intensiva na função motora grossa de uma criança com paralisia cerebral: estudo de caso

Efeito da estimulação transcraniana por corrente contínua associada à fisioterapia intensiva na função motora grossa de uma criança com paralisia cerebral: estudo de caso

Author Silva, Matheus Galvão Lopes da Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Carvalho, Raquel de Paula Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract Introdução: A Paralisia Cerebral (PC) refere-se a um conjunto de alterações permanentes, mas não inalteráveis, do desenvolvimento do movimento e da postura que causam limitações na atividade. Dentre as intervenções utilizadas no processo de reabilitação, se destaca a terapia intensiva utilizando o Método TheraSuit®, que se trata de um programa individual de fisioterapia intensiva com a utilização de uma vestimenta, constituída por cordas elásticas que são ajustadas de acordo com a necessidade da criança. A Estimulação Transcraniana por Corrente Contínua (ETCC) é um método de estimulação elétrica cerebral não invasiva que é aplicado diretamente em estruturas do sistema nervoso para fins terapêuticos, buscando potencializar os efeitos da terapia física. Objetivo: Verificar os efeitos da estimulação transcraniana por corrente contínua associada à terapia física intensiva na função motora grossa de uma criança com paralisia cerebral. Métodos: Participou deste estudo uma criança com idade de 6 anos, do sexo masculino, com diagnóstico de paralisia cerebral espástica nível II do Sistema de Classificação da Função Motora Grossa (GMFCS). A criança foi avaliada pelo Gross Motor Function Measure (GMFM-66) e submetida à terapia intensiva 5 vezes na semana através do método TheraSuit®, por 4 semanas consecutivas. A partir da 2a semana de intervenção, foram aplicadas as avaliações da marcha por meio do Dynamic Gait Index (DGI) e Physicians Rating Scale (PRS) e introduzida a ETCC associada ao treino de marcha. Ao final, a criança foi reavaliada pelo GMFM-66, DGI e PRS. Resultados: Não houve diferença clinicamente significante para o escore total do GMFM-66. A criança melhorou em dois domínios do DGI, sendo o primeiro na mudança de velocidade da marcha e o segundo domínio foi na marcha com movimentos verticais da cabeça. O escore obtido pelo PRS não mostrou mudanças qualitativas na marcha pós-intervenção imediata e retenção. Conclusão: Fisioterapia intensiva com TheraSuit® associada à ETCC concomitante ao treino de marcha em esteira propiciaram melhora no equilíbrio dinâmico na marcha, nos domínios da mudança de velocidade da marcha e marcha com movimentos verticais da cabeça.

Introduction: Cerebral Palsy (CP) refers to a group of permanent, but not unalterable, disorders in the development of movement and posture, causing limitations in activity. Among the interventions applied in the rehabilitation process, intensive therapy using the Therasuit® Method stands out, which is an individual program of intensive physical therapy with the use of soft canvas suit with bungeelike elastic that are adjusted according to the need of the patient. Transcranial Direct Current Stimulation (tDCS) is a method of non-invasive electrical brain stimulation that is applied directly to structures of the nervous system for therapeutic purposes to enhance the effects of physical therapy. Aim: the aim of the study was to verify the effects of tDCS associated with intensive physical therapy on the gross motor function of a child with CP. Methods: a six year old child, male, diagnosed with spastic cerebral palsy, level II of Gross Motor Function Classification Scale (GMFCS), was included in this study. The child was evaluated by the Gross Motor Function Measure (GMFM-66) and treated by intensive physical therapy 5 times per week using the TheraSuit® Method, in a period of 4 consecutive weeks. On the second week of intervention, gait assessments were applied using the Dynamic Gait Index (DGI) and Physicians Rating Scale (PRS), and the tDCS associated with the gait training was introduced. After the treatment, the child was evaluated by GMFM66, DGI and PRS. Results: there was no significant differences on the total score of GMFM-66. The child improved in two domains of DGI, in the gait speed and gait with vertical head movements. The PRS score did not show qualitative changes in gait after immediate intervention and retention. Conclusion: intensive physical therapy with TheraSuit® associated with tDCS and gait training with treadmill improved dynamic balance in gait, under the domains of changing the gait speed and gait with vertical head movements
Keywords Criança
Estimulação transcraniana por corrente contínua
Fisioterapia
Marcha
Paralisia cerebral
Terapia intensiva
Therasuit
Tratamento
Child
Transcranial direct current stimulation
Physiotherapy
Gait
Cerebral palsy
Intensive therapy
Therasuit
Treatment
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage ISS
Language Portuguese
Date 2020-10-07
Published in SILVA, Matheus Galvão Lopes da. Efeito da estimulação transcraniana por corrente contínua associada à fisioterapia intensiva na função motora grossa de uma criança com paralisia cerebral: estudo de caso. 2020. 43 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Fisioterapia) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2020.
Knowledge area Promoção, prevenção e reabilitação em saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 43 f.
Access rights Closed access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/58726

Show full item record




File

Name: TCC_Matheus.pdf
Size: 1.035Mb
Format: PDF
Description: TCC completo
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account