A efetividade do tratamento fisioterapêutico em crianças com torcicolo congênito: revisão sistemática

A efetividade do tratamento fisioterapêutico em crianças com torcicolo congênito: revisão sistemática

Alternative title The effectiveness of physiotherapeutic treatment in children with congenital muscular torticollis: a systematic review
Author Almeida, Fabiana Corrêa de Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Carvalho, Raquel de Paula Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Abstract O torcicolo muscular congênito (TMC) é uma deformidade musculoesquelética evidente ao nascimento ou nas primeiras semanas de vida, e é tipicamente caracterizado pela flexão lateral homolateral e rotação cervical contralateral ao músculo esternocleidomastoideo (ECM) acometido, devido contratura muscular não progressiva. Atualmente, a literatura mostra que o tratamento conservador é o padrão ouro para o tratamento do TMC, sendo o alongamento manual o método terapêutico mais comum. Assim, o objetivo do presente estudo foi: avaliar as intervenções fisioterapêuticas efetivas baseadas em evidência no tratamento do TMC através de uma revisão sistemática. O presente estudo é uma revisão sistemática. Os critérios de inclusão foram: estudos com intervenções fisioterapêuticas em crianças ≤ 6 meses de idade ao início do tratamento, com diagnóstico de torcicolo muscular congênito, escritos em inglês, com o desenho do estudo sendo ensaio clínico controlado ou não controlado, randomizado ou não randomizado. Os critérios de exclusão foram: estudos que não realizaram nenhuma intervenção fisioterapêutica, crianças > 6 meses de idade ao início do tratamento, com torcicolo de origem não muscular, tais como instabilidade rotatória atlantoaxial, hemivértebras, subluxação cervical, tumores de fossa posterior, malformação de Chiari, anormalidades oculares e vestibulares, e síndrome de Grisel. A seleção dos estudos ocorreu através do software Rayyan QCRI, após inserção dos resultados das buscas nos seguintes bancos de dados bibliográficos: PubMed, Cochrane Library, Open Grey, Lilacs e PEDro. Foram selecionados 26 estudos para leitura completa e extração de dados, destes apenas 10 foram se encaixaram nos critérios de inclusão desta revisão. As intervenções terapêuticas que foram efetivas no tratamento do torcicolo muscular congênito foram o alongamento manual, a associação de exercícios terapêuticos com microcorrentes ou com a mobilização de tecidos moles, além da educação dos pais e cuidadores em relação aos exercícios domiciliares, as estratégias de manuseio, posicionamento e adaptações no ambiente. Podemos concluir que a intervenção fisioterapêutica mais efetiva no tratamento do TMC é o alongamento manual, porém, existem outras modalidades terapêuticas que podem ser associadas e interferem positivamente na duração do tratamento e nos desfechos do sistema musculoesquelético.

Congenital muscular torticollis (CMT) is a musculoskeletal deformity in newborns and infants, and is typically characterized by lateral flexion towards the affected side and rotated to the controlateral side of the sternocleidomastoid (SCM) muscle affected, due to non-progressive muscle contracture. Currently, the literature indicates that conservative treatment is the standard treatment for CMT, manual stretching being the most common therapeutic method. Therefore, the aim of the present study was to evaluate the effective evidence-based physical therapy interventions to treat CMT through a systematic review. The present study is a systematic review. The inclusion criteria was: studies that carried out physical therapy interventions in infants ≤ 6 months of age at start of treatment, diagnosed with congenital muscular torticollis, written in english, and the study design being a clinical trial randomized or non-randomized, controlled or non-controlled. The exclusion criteria was: studies without any physical therapy interventions in infants older than 6 months of age at start of treatment, diagnosed with torticollis of non-muscular origin, such as atlantoaxial rotational instability, hemivertebrae, cervical subluxation, tumors of the posterior fossa, Chiari malformation, ocular and vestibular abnormalities, or Grisel syndrome. The study selection was performed through the Rayyan QCRI software, after insertion the search results in the following bibliographic databases: PubMed, Cochrane Library, Open Grey, Lilacs and PEDro. Twenty-six articles were selected for complete reading and data extraction, only 10 studies meet the inclusion criteria. The therapeutic interventions that were effective in the treatment of congenital muscular torticollis were manual stretching, association of therapeutic exercises with microcurrents or with soft tissue mobilization, in addition to the education of parents and caregivers about home exercises, handling strategies, positioning and environmental adaptations. In conclusion, the most effective physical therapy intervention to treat CMT is manual stretching, however, there are other therapeutic modalities that can be associated and positively interfere in regards to treatment duration and outcomes of the musculoskeletal system.
Keywords Criança
Torcicolo muscular congênito
Torcicolo
Tratamento
Fisioterapia
Child
Torticollis
Treatment
Therapy
Physical therapy
Physiotherapy
xmlui.dri2xhtml.METS-1.0.item-coverage Santos (SP)
Language Portuguese
Date 2020-10-07
Published in ALMEIDA, Fabiana Corrêa de. A efetividade do tratamento fisioterapêutico em crianças com torcicolo congênito: revisão sistemática. 2020. 48 f. Trabalho de conclusão de curso de graduação (Fisioterapia) - Instituto de Saúde e Sociedade, Universidade Federal de São Paulo, Santos, 2020.
Knowledge area Promoção, prevenção e reabilitação em saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 48 p.
Access rights Closed access
Type Trabalho de conclusão de curso de graduação
URI https://repositorio.unifesp.br/handle/11600/58719

Show full item record




File

Name: A eficácia do t ... to revisão sistemática.pdf
Size: 535.0Kb
Format: PDF
Description: Trabalho de conclusão de curso
Open file

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account