Fatores preditores do alcance das metas de um programa de intervenção em nipo-brasileiros

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2010-06-01
Autores
Camargo, Marilia Alessi Guena de
Franco, Laercio Joel [UNIFESP]
Gimeno, Suely Godoy Agostinho [UNIFESP]
Ferreira, Sandra Roberta Gouvea [UNIFESP]
Sartorelli, Daniela Saes
Orientadores
Tipo
Artigo
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
The aim of this study was to identify baseline factors associated with achieving goals after a 12-month lifestyle intervention program in a Japanese-Brazilian population, using adjusted logistic regression models. In 2005, 321 participants were overweight. The odds [OR (IC95%)] of reaching the goals after 12 months of intervention were directly related to female gender [2.35 (1.34, 4.13)] and older age [1.03 (1.00, 1.06)] and inversely related to baseline morbidity [0.33 (0.14, 0.77)]. Of the 261 sedentary individuals, achieving the goal for physical activity was inversely related to working [0.44 (0.17, 0.95)]. No baseline predictors were found for reaching the goal of fruit and vegetable consumption or saturated fat intake after 12 months. At baseline, women, older individuals, and individuals without diseases or not working showed increased odds of achieving the goals after 12 months of the lifestyle intervention.
Identificar fatores da linha de base preditores do alcance das metas do programa de intervenção no estilo de vida após 12 meses em população de nipo-brasileiros, empregando-se modelos de regressão logística ajustados. Em 2005, 321 participantes eram portadores de excesso de peso e houve maior chance [OR (IC95%)] de alcance da meta de perda de peso após 12 meses entre mulheres [2,45 (1,33; 4,13)], indivíduos de maior idade [1,03 (1,00; 1,06)] e menor chance entre portadores de morbidades no início do estudo [0,33 (0,14; 0,77)]. Dos 261 indivíduos sedentários, o alcance da meta de atividades físicas foi inversamente relacionado ao exercício de atividades profissionais [0,40 (0,17; 0,95)]. Não se verificou fatores da linha de base associados ao alcance das metas do consumo de legumes, verduras e frutas e gorduras saturadas da dieta após 12 meses. Indivíduos de maior idade, mulheres, não portadores de morbidades e sem exercício de atividades profissionais na linha de base apresentaram maior chance de alcance das metas após 12 meses de intervenção no estilo de vida.
Descrição
Citação
Cadernos de Saúde Pública. Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, Fundação Oswaldo Cruz, v. 26, n. 6, p. 1141-1152, 2010.
Coleções