Ensaios Clínicos Randomizados na ortopedia e traumatologia: avaliação sistemática da evidência nacional

Imagem de Miniatura
Data
2010-01-01
Autores
Moraes, Vinícius Ynoe de [UNIFESP]
Moreira, Cesar Domingues [UNIFESP]
Tamaoki, Marcel Jun Sugawara [UNIFESP]
Faloppa, Flávio [UNIFESP]
Belloti, Joao Carlos [UNIFESP]
Orientadores
Tipo
Artigo
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
OBJECTIVE: To assess whether there was an improvement in the quality and quantity of randomized controlled trials (RCTs) in nationally published journals through an application of standardized and validated scores. METHODS: We selected, electronically, for the period of 2000-2009, all RCTs published at the two indexed, orthopaedics-focused Brazilian journals: Acta Ortopédica Brasileira(AOB) and Revista Brasileira de Ortopedia (RBO). These RCTs were identified and scored by two independent researchers according to the JADAD scale and Cochrane Bone, Joint and Muscle Trauma Group score. The selected studies were grouped: 1) by publication period (2000-2004 and 2004-2009); 2) journal of publication (AOB and RBO). RESULTS: Twenty-two papers were selected, 10 from AOB and 12 from RBO. No statistically significant differences were found between the proportion (nRCT/nTotal of published papers) of RCTs published in the two journals (p=0.458), as well as for the JADAD score (p=0.722) and Cochrane score (p=0.630). CONCLUSION: The quality and quantity of randomized clinical trials in the period was similar in the journals analyzed. There is a trend of improvement of quality, yet there was no increase in the number of randomized clinical trials in both periods.
OBJETIVO: Verificar se houve melhora da qualidade e quantidade dos ensaios clínicos randomizados (ECRs) publicados na literatura nacional, por meio da aplicação de escores estruturados e validados na literatura. MÉTODOS: Selecionamos, eletronicamente, todas as edições das duas revistas indexadas e de escopo ortopédico da literatura nacional - Acta Ortopédica Brasileira (AOB) e Revista Brasileira de Ortopedia (RBO), no período de 2000-2009, todos os ECRs publicados. Dois pesquisadores independentes identificaram e pontuaram os ECRs de acordo com as escalas de JADAD e do grupo de trauma musculoesquelético da Colaboração Cochrane. Os trabalhos selecionados foram agrupados: 1) pelo período de publicação 2000-2004 e 2004-2009; 2) periódico de publicação (AOB e RBO). RESULTADOS: Vinte e dois trabalhos foram selecionados, sendo10 da AOB e 12 da RBO. Não houve diferença entre o número proporcional (nECR/nTotal de trabalhos publicados) de ensaios clínicos randomizados publicados nos dois periódicos (p = 0,458), assim como para os escores de JADAD (p = 0,722) e da Colaboração Cochrane (p = 0,630). CONCLUSÃO: A qualidade e quantidade relativa de ensaios clínicos randomizados nos periódicos analisados foi semelhante. Há uma tendência de melhora da qualidade; contudo, não há acréscimo da quantidade de ensaios clínicos randomizados nos dois períodos analisados.
Descrição
Citação
Revista Brasileira de Ortopedia. Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, v. 45, n. 6, p. 601-605, 2010.
Coleções