Percepção Do Adoecimento Em Adolescentes Transplantados Renais: Implicações Na Adesão Ao Tratamento Imunossupressor

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2018-02-22
Autores
Ariente, Livia Carolina [UNIFESP]
Orientadores
Silva Junior, Helio Tedesco [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
The Hallmark Of Adolescence Is The Transformation Of Both Physical And Psychic Aspects. Illness At This Stage Of Development May Represent A Traumatic Experience. In This Context, Renal Transplantation Presents Itself As A Therapy That Offers A Better Quality Of Life And Survival For This Population. However, Failure To Adhere To Immunosuppressive Therapy May Compromise The Results Of This Treatment And Lead To Episodes Of Rejection And Even Graft Loss. Objective: To Verify The Relation Between Perception About The Disease And Adhesion To The Immunosuppressive Drug (Iss) In Adolescents. Method: Quantitative, Exploratory, Descriptive And Transverse Study. Inclusion Of Adolescents Between 12 And Under 18 Years, With More Than One Year Of Transplantation. A Questionnaire Characterizing The Sample Was Applied, The Basel Assessment Of Adherence To Immunossuppressive Medications Scale (Baasis) And The Brief Illness Perception Questionnaire (Bipq). Results: The Study Had The Participation Of 68 Adolescents, 54% Male
A Marca Registrada Da Adolescência É A Transformação, Tanto De Aspectos Físicos Como Psíquicos. O Adoecimento Nessa Fase Do Desenvolvimento Pode Representar Uma Experiência Traumática, Nesse Contexto, O Transplante Renal Se Apresenta Como Terapêutica Que Oferece Melhor Qualidade De Vida E Sobrevida A Essa População. Entretanto, A Não Adesão À Terapêutica Imunossupressora Pode Comprometer Os Resultados Desse Tratamento E Acarretar Em Episódios De Rejeição E Até Mesmo Perdas Do Enxerto. Objetivo: Verificar A Relação Existente Entre Percepção Sobre A Doença E Adesão Ao Medicamento Imunossupressor (Iss) Em Adolescentes. Método: Estudo Quantitativo, Exploratório, Descritivo E Transversal. Inclusão De Adolescentes Entre 12 E Menores De 18 Anos, Com Mais De Um Ano De Transplante. Aplicou-Se Um Questionário De Caracterização Da Amostra, A Escala Basel Assessment Of Adherence To Immunossuppressive Medications Scale (Baasis) E O The Brief Illness Perception Questionnaire (Bipq). Resultados: O Estudo Contou Com A Partic
Descrição
Citação