Efeito de citocinas e toxina tetânica na vacinação gênica de tumores que expressam CEA com Scfv6C4

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2017-03-29
Autores
Zanetti, Bianca Ferrarini [UNIFESP]
Orientadores
Han, Sang Won [UNIFESP]
Tipo
Tese de doutorado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Introduction: Colon and rectum cancers are highly prevalent among men and women, and prevention and treatment are major medical and scientific challenges. Carcinoembryonic antigen (CEA) is the main tumor associated antigen of these cancers. Previously, our group developed a DNA vaccine against CEA-expressing tumors using a CEA surrogate, scFv6.C4, and its efficacy, evaluated in transgenic mice for CEA, showed 40% tumor-free animais by more than 100 days and in the others the survival increase was between 30 and 70% in relation to the non-vaccinated group. Objective: To evaluate the adjuvant effect of IFNy (Interferon Gamma), GM-CSF (Granulocyte Macrophage Colony-Stimulating Factor), FrC (Fragment C of Tetanus Toxin) and IDUA (Alpha-L-Iduronidase) in gene vaccination with scFv6.C4. Methods: C57BU6J-CEA2682 mice were immunized 4 times by intramuscular electroporation with the plasmid uP-PS/scFv6.C4 alone, or in combination with adjuvant vectors expressing FrC, GM-CSF, IFNy or IDUA. Vaccinated animais were challenged by subcutaneous injection of murine colon adenocarcinoma cells, MC38-CEA, and tumor growth was monitored. The humoral andcellular immune responses were accessed by ELlSA, immunocytochemistry, ELlSPOT, cell proliferation and cYt~toxicity assays. Results: Immunization with scFv6.C4 induced anti-CEA antibodies, with titre about 4- fold higher than preimmune serum. When challenged with MC38-CEA cells, approximately half of the immunized animais did not develop tumor during 80 days of observation, and the others had varying degrees of retardation in tumor growth. The adjuvants tested did not lead to a significant increase in antibody titer, however, animais immunized with scFv6.C4 and FrC or IFNy had increased survival. Cellular response assays showed a significant increase in cytotoxic cell response, especially in the animais vaccinated with FrC. Conclusions: Immunization with scFv6.C4 in combination with adjuvants FrC or IFNy elevated antitumor effect via increased cytotoxic cell response.
Introdução: Cânceres do cólon e reto têm alta incidência entre homens e mulheres e a prevenção e o tratamento são grandes desafios médicos e científicos. O antígeno carcinoembrionário (CEA) é o principal marcador tumoral destes cânceres. Previamente, o nosso grupo desenvolveu uma vacina de DNA contra tumores que expressam CEA, usando um mimético a CEA, a scFv6.C4, e sua eficácia, avaliada em camundongos transgênicos para CEA, mostrou 40 % de animais livre de tumor por mais de 100 dias e no restante o aumento de sobrevida foi entre 30 e 70% em relação ao grupo não vacinado. Objetivo: Avaliar o efeito adjuvante do IFNy (Interferon Gama), GM-CSF (Fator Estimulador da Colônias de Macrófagos e Granulócitos), FrC (Fragmento C da Toxina Tetânica) e IDUA (Alpha-L-Iduronidase) na vacinação gênica com scFv6.C4. Métodos: Camundongos C57BU6J-CEA2682 foram imunizados 4 vezes por eletroporação intramuscular com o vetor plasmidial uPPS/ scFv6.C4 sozinho, ou em combinação com vetares adjuvantes que expressam FrC, GM-CSF, IFNy ou IDUA. Os animais vacinados foram desafiados pela injeção subcutânea de células de adenocarcinoma de cólon murino, MC38-CEA, e o crescimento tumoral foi monitorado. As respostas imunes humoral e celular foram acessadas por ELlSA, imunocitoquímica, ELlSPOT, ensaio de proliferação celular e de citotoxicidade. Resultados: A imunização com scFv6.C4 induziu a geração de anticorpos anti-CEA, com título cerca de 4 vezes maior em relação ao soro pré-imune. Quando desafiados com as células MC38-CEA,' aproximadamente metade dos animais imunizados não desenvolveram tumor durante 80 dias de observação, e os demais apresentaram graus variados de retardo de crescimento tumoral. Os adjuvantes testados não levaram a aumento significativo no título de anticarpos, porém, os animais imunizados com scFv6.C4 e FrC ou IFNy tiveram aumento na sobrevida. Ensaios de resposta celulares mostraram um aumento significativo de resposta celular citotóxica, principalmente nos animais vacinados com o FrC. Conclusões: Imunização com scFv6.C4 em associação com adjuvantes FrC ou IFNy elevou efeito antitumoral via aumento de resposta celular citotóxica.
Descrição
Citação