Educação Para O Autogerenciamento De Pacientes Com Câncer De Cabeça E Pescoço Apoiada Em Multimídia

Educação Para O Autogerenciamento De Pacientes Com Câncer De Cabeça E Pescoço Apoiada Em Multimídia

Author Hortense, Flavia Tatiana Pedrolo Autor UNIFESP Google Scholar
Advisor Domenico, Edvane Birelo Lopes De Autor UNIFESP Google Scholar
Institution Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Graduate program Enfermagem
Abstract Head and neck cancer (CA/HN) is among the ten most frequent in Brazil, reaching about 1.7% of the population. The treatments can result in functional and aesthetic deficiencies, depending on location and staging. Educational interventions should be developed to assist patient in the process of adaptation and generation of selfmanagement skills. Objectives: to build, validate the content of an educational program based on the principles of self-management, directed to patients with CA/HN, and to evaluate the effectiveness of this program in a comparative way, and through a reception study. Method: study of mixed nature, divided into three steps: (1) methodological study, for the construction and validation of a script for the development of learning objects, (2) experimental study, randomized and controlled, to evaluate the educational intervention based on the usual action versus the multimedia, through the instruments Functional Assessment of Cancer Therapy-Head and Neck (FACT-H & N) and Hospital Anxiety and Depression Scale (HADS) in four time points, from the beginning of the treatment to the follow-up period (12 months) and (3) qualitative study to evaluate the educational material developed on the basis of the principle of the reception study. The results were analyzed according to the study design of each step. Results: in the first step, the script was approved by 99 percent of all health professionals. The kappa free-marginal statistical test presented a value of 0.68%, giving a substantial agreement, resulting in the production of a printed manual and an educational video. In the second, the control group (GC) reported gradual decrease on the quality of life (QOL) scores over the time points, while the experiment group (GE) has increased progressively their scores. The prevalence of anxiety and depression (AD) symptoms was low in both groups, next to those described in the literature. The correlation was significant between the presence of AD symptoms and poor QOL. GC patients showed significant worsening in social/family well-being and on the prevalence of additional concerns related to CA/HN, while the GE presented decrease on anxiety symptoms and increase on emotional well-being. In the last step, the educational material was evaluated as satisfactory for the subject sequence, length, language and images used. Participants have attested that the educational materials helped in the development of skills for self-management. Conclusion: the steps adopted for the construction and validation of the content, and for the development of educational materials were effective, appropriate and capable of reproduction. The different criteria used for the educational material evaluation indicated and highlighted the benefit of this educational action. It was observed that patients have opted for a better adaptive response to the illness. In addition, the assessment routine brought indicators that guided the team working. The educational material was considered appropriate for the target population and capable of generating skills for self-management.

O câncer de cabeça e pescoço (CA/CP) está entre os dez mais frequentes no Brasil, atingindo cerca de 1,7% da população. Os tratamentos podem resultar em deficiências funcionais e estéticas, dependendo da localização e do estadiamento. As ações educativas precisam ser desenvolvidas para auxiliar o paciente no processo de adaptação e na geração de habilidades para o autogerenciamento. Objetivos: construir, validar o conteúdo de um programa educativo alicerçado nos princípios do autogerenciamento, direcionado aos pacientes com CA/CP, e avaliar a eficiência deste programa de forma comparativa, e por meio de um estudo de recepção. Método: estudo de natureza mista, subdividido em três etapas: (1) estudo metodológico, para a construção e validação de um roteiro destinado ao desenvolvimento de objetos de aprendizagem, (2) estudo experimental, randomizado e controlado, para avaliar a intervenção educativa, com base na ação usual versus a multimídia, por meio dos instrumentos Functional Assessment of Cancer Therapy – Head and Neck (FACT-H&N) e Escala Hospitalar de Ansiedade e Depressão (HADS) em quatro tempos transcorridos do início do tratamento ao período de seguimento (12 meses) e (3) estudo qualitativo, para avaliar o material educativo desenvolvido, com base nos princípios do estudo de recepção. Os resultados foram analisados de acordo com o desenho de estudo de cada etapa. Resultados: na primeira etapa, o roteiro foi aprovado por 99% dos profissionais de saúde. O teste estatístico kappa free-marginal apresentou valor igual a 0,68%, conferindo uma substancial concordância, resultando na produção de um manual impresso e um vídeo educativo. Na segunda, o grupo controle (GC) reportou queda gradual dos escores de qualidade de vida (QV) nos tempos de avaliação, enquanto a do grupo experimento (GE) aumentou progressivamente. A prevalência de sintomas de ansiedade e depressão (AD) foi baixa nos dois grupos, próxima ao descrito na literatura. A correlação foi significativa entre presença de sintomas de AD e baixa QV. Pacientes do GC apresentou piora significativa no bem-estar social/familiar e na prevalência de preocupações adicionais relacionadas ao CA/CP, enquanto o GE apresentou redução dos sintomas de ansiedade e melhora do bem estar emocional. Na última etapa, o material educativo foi avaliado de forma satisfatória para a sequência do assunto, extensão, linguagem e imagens utilizadas. Os participantes atestaram que os materiais educativos auxiliaram no desenvolvimento de habilidades para o autogerenciamento. Conclusão: os passos adotados para a construção e validação do conteúdo e para produção do material educativo foram efetivas, adequadas e passíveis de reprodutibilidade. Os diferentes critérios adotados para avaliação do material educativo indicou e evidenciou o benefício dessa ação educativa. Observou-se que os pacientes optaram por uma resposta mais adaptativa ao processo de adoecimento. Ademais, a rotina de avaliação trouxe indicadores que nortearam a atuação em equipe. O material educativo foi considerado adequado pela população alvo e capaz de gerar habilidades para o autogerenciamento.
Keywords Anxiety And Depression
Quality Of Life
Chronic Disease
Health Care
Oncology Nursing
Head And Neck Cancer
Self-Care
Health Education
Autocuidado
Educação Em Saúde
Enfermagem Oncológica
Câncer De Cabeça E Pescoço
Prestação De Cuidados De Saúde
Doença Crônica
Qualidade De Vida
Ansiedade E Depressão
Language Portuguese
Date 2017-10-26
Knowledge area Enfermagem, Cuidado E Saúde
Publisher Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extent 127p.
Origin https://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=5321921
Access rights Closed access
Type Thesis
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/50474

Show full item record




File

File Size Format View

There are no files associated with this item.

This item appears in the following Collection(s)

Search


Browse

Statistics

My Account