Show simple item record

dc.contributor.advisorAndreo, Marcio Adriano [UNIFESP]
dc.contributor.authorSilva, Gabriela Trindade de Souza e [UNIFESP]
dc.date.accessioned2019-06-19T14:57:56Z
dc.date.available2019-06-19T14:57:56Z
dc.date.issued2017-07-07
dc.identifierhttps://sucupira.capes.gov.br/sucupira/public/consultas/coleta/trabalhoConclusao/viewTrabalhoConclusao.jsf?popup=true&id_trabalho=5631689pt
dc.identifier.urihttp://repositorio.unifesp.br/handle/11600/50446
dc.description.abstractValidated by folk medicine in ulcers and gastritis treatment, the “croadinha” (Mouriri elliptica) leaves are use as tea. This therapeutic action and it´s efficacy and safety was confirmed by preliminary studies highlighting this species as a potential treatment to peptic disease. However, it’s necessary to establish parameters to guide the production of effective and safe herbal medicine from this species. The chemical study conducted by Andreo (2008), showed the presence of tannins, flavonoids and triterpenes in active extracts. This study was conducted aiming increase the chemical knowledge of this species, to achieve it, was proceed the isolation, chemical characterization, and the development of methodology to quantify ellagic acid derivatives (phytochemical marker) present in the leaves and extracts from M. elliptica. Hydroalcoholic extracts were obtained from the leaves of M. elliptica by maceration and fractionated on Sephadex (LH-20), solid phase extraction with modified silica (C-18) and high performance liquid chromatography (HPLC) with UV detection in preparative mode. The methodology developed allowed the isolation of 7 ellagic acid derivatives. The derivatives structural determination was conducted using UV spectrophotometry and mass spectrometry. Using ellagic acid as a standard, the methodology developed and validated partially for quantification in CLAE-DAD, allowed the determination of 375 μg/g substances concentration in dry leaves of M. elliptica.en
dc.description.abstractValidada pelo uso tradicional, as folhas da “croadinha” (Mouriri elliptica), são utilizadas no combate a úlcera e gastrites na forma de chá. Esta ação terapêutica foi confirmada em estudos preliminares de eficácia e segurança, evidenciando esta espécie como potencial tratamento de escolha para os transtornos dispépticos. Porém, ainda é necessário estabelecer parâmetros para nortear a produção de medicamentos fitoterápicos eficazes e seguros a partir desta espécie. O estudo químico realizado por Andreo (2008) revelou a presença de taninos, flavonoides e triterpenos nos extratos ativos. Visando aprofundar o estudo químico desta espécie, este trabalho foi conduzido de forma a realizar o isolamento, a caracterização química, e o desenvolvimento de metodologias para a análise quantitativa de derivados de ácido elágico, também presentes nas folhas do M. elliptica e nos extratos desenvolvidos. Foram obtidos extratos hidroalcoólicos a partir das folhas de M. elliptica utilizando maceração como técnica extrativa. A partir destes extratos foram utilizadas técnicas de fracionamento, tais como permeação em gel de Sephadex (LH-20), extração em fase sólida com sílica modificada (C-18) e cromatografia líquida de alta eficiência (CLAE) com detecção de UV, no modo preparativo. A metodologia desenvolvida permitiu o isolamento de 7 derivados do ácido elágico. A determinação estrutural dos derivados foi realizada utilizando informações de espectrofotometria no UV e espectrometria de massas. Utilizando o ácido elágico como padrão, a metodologia desenvolvida e validada parcialmente para a quantificação em CLAE-DAD, possibilitou a determinação da concentração de 375 μg de derivados por grama de folhas secas de M. ellipticapt
dc.description.sponsorshipCoordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES)pt
dc.format.extent94 p.
dc.language.isopor
dc.publisherUniversidade Federal de São Paulo
dc.rightsAcesso restrito
dc.subjectMouriri ellipticaen
dc.subjectEllagic aciden
dc.subjectHPLC-DADen
dc.subjectHerbal medicineen
dc.subjectPeptic ulceren
dc.subjectMouriri ellipticapt
dc.subjectÁcido elágicopt
dc.subjectCLAE-DADpt
dc.subjectFitoterápicospt
dc.subjectÚlcera pépticapt
dc.titleUtilização de ácido elágico e derivados como marcadores para a validação química de Mouriri elliptica Martius como insumo farmacêutico ativo vegetalpt
dc.typeDissertação de mestrado
dc.contributor.institutionUniversidade Federal de São Paulo (UNIFESP)pt
dc.identifier.file2017-0598.pdf
dc.description.sourceDados abertos - Sucupira - Teses e dissertações (2017)
unifesp.campusInstituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF)pt
unifesp.graduateProgramCiências Farmacêuticaspt
unifesp.knowledgeAreaBiociências, Saúde e Tecnologiapt
unifesp.researchAreaDesenvolvimento e Inovação Farmacêuticapt


Files in this item

This item appears in the following Collection(s)

Show simple item record