O Espaço Como Obra: Reinterpretação E Preservação Da Arquitetura Eclética No Caso Do Palácio Do Café De Santos-Sp

Imagem de Miniatura
Data
2017-10-24
Autores
Faria, Indira Ferreira [UNIFESP]
Orientadores
Rufinoni, Manoela Rossinetti [UNIFESP]
Tipo
Dissertação de mestrado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
The discussion about the preservation of the eclectic architecture and its interior will be represented here by the analysis of the trading room - the main area of the Coffee Palace of Santos-SP (1922) - with its furniture and integrated arts. Considering the relationship between the Bourse building and its artistic elements, this research intends to put in evidence the complementarity amid architecture and arts and the way this relation has been treated in the processes of tipping by the city, state and federal government levels. Are the views of the different processes in relation to eclectic architecture similar or complementary? The way these relationships are built in the project and the way they are treated in the propertyambit are the questions that we intend to answer in this research.
A discussão sobre a preservação da arquitetura eclética e de seu espaço interior será aqui representada pela análise do salão do pregão – principal espaço do Palácio do Café de Santos-SP (1922) –, considerando sua arquitetura, obras móveis e artes integradas. Tendo em vista a relação entre o edifício da Bolsa e seus elementos artísticos, esta pesquisa pretende evidenciar a complementariedade entre arquitetura e obra de arte e a maneira como esta conexão vem sendo tratada pelos processos de tombamento nos níveis municipal, estadual e federal. As visões dos diferentes processos em relação à arquitetura eclética são semelhantes ou se complementam? O modo como estas relações se constroem no projeto do edifício e a maneira como vêm sendo tratadas em âmbito patrimonial, são algumas das questões que buscaremos abordar nesta pesquisa.
Descrição
Citação