Avaliação da expressão gênica das vias de sinalização de insulina em células da granulosa provenientes de mulheres eutróficas e obesas com síndrome dos ovários policísticos em ciclos de fertilização in vitro

Nenhuma Miniatura disponível
Data
2015-11-27
Autores
Chehin, Mauricio Barbour [UNIFESP]
Orientadores
Motta, Eduardo Leme Alves da [UNIFESP]
Tipo
Tese de doutorado
Título da Revista
ISSN da Revista
Título de Volume
Resumo
Objective: To evaluate granulosa cell gene expression from insulin signaling pathway of Polycystic Ovarian Syndrome (PCOS) patients after In Vitro Fertilization (IVF) and compare the granulosa gene expression activity between eutrophic and obese women. Methods: Cross-sectional study with 15 PCOS patients, nine eutrophic and six obese, which were submitted to oocyte recovery to IVF and after the procedure had the granulosa cumulus cells removed from the oocyte to RNA extraction and later quantitative PCR array analysis of expression gene profile. The results were expressed by fold up or fold down of obese patients gene expression over eutrophic patients gene expression, fold ? 3 or ? 3 values and p ? 0,05 were considered statiscally significant. Results: The analyzed genes are overexpressed in obese compared to eutrophic women. There are 09 genes, BCL2L1, BRAF, CBL, DOK1, FBP1, FRS2, PCK2, RPS6KA1 and SORBS1 that presents fold ? 3 and p ? 0,05. Conclusions: In the group OB significantly overexpressed genes are responsible for the proliferation and differentiation of cumulus cells during oocyte maturation, insulin resistance, regulation of apoptosis, and glucose metabolism during early embryogenesis.
Objetivo: Analisar a expressão de genes relacionados às vias de sinalização da insulina em células da granulosa (cumulus) de pacientes com Síndrome dos Ovários Policísticos (SOP) submetidas ao tratamento de Infertilidade através da Fertilização in vitro e comparar a expressão destes genes em pacientes eutróficas e obesas. Métodos: Estudo transversal observacional incluindo 15 pacientes com SOP, sendo nove eutróficas e seis obesas, que após a captação de oócitos para FIV tiveram as células da granulosa removidas dos mesmos para extração de RNA e posterior análise por PCR quantitativo da expressão dos genes relacionados às vias de insulina. O resultado da expressão relativa foi apresentado em fold, ou seja, quantas vezes cada gene de interesse é mais (fold-up) ou menos (fold-down) expresso no grupo de pacientes obesas (grupo OB) em relação ao grupo de pacientes eutróficas (grupo ET). Valores de p ? 0,05 foram considerados estatisticamente significantes e fold ? 3 ou ? 3 foram considerados uma variação significativa da expressão relativa do gene. Resultados: Os genes analisados estão superexpressos nas pacientes obesas em relação as eutróficas, sendo que nove destes genes estão significativamente mais expressos, sendo eles BCL2L1, BRAF, CBL, DOK1, FBP1, FRS2, PCK2, RPS6KA1 e SORBS1, apresentam fold ? 3 e valor de p ? 0,05. Conclusões: No grupo OB os genes significativamente superexpressos são responsáveis pela proliferação e diferenciação das células do cumulus durante a maturação oocitária, resistência à insulina, regulação da apoptose, e do metabolismo da glicose durante a embriogênese inicial.
Descrição
Citação
CHEHIN, Mauricio Barbour. Avaliação da expressão gênica das vias de sinalização de insulina em células da granulosa provenientes de mulheres eutróficas e obesas com síndrome dos ovários policísticos em ciclos de fertilização in vitro. 2015. 75 f. Tese (Doutorado) - Escola Paulista de Medicina, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, 2015.